Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/30798
Título: Avaliação dos efeitos estruturais da lixiviação das argamassas de ligação dos blocos das barragens de alvenaria de pedra
Autor: Jalles, Bernardo Maria Abecasis
Orientador: Batista, António
Lemos, José
Palavras-chave: Barragem gravidade de alvenaria
Comportamento observado
Diferenças finitas
Lixiviação das argamassas
Módulo de elasticidade
Permeabilidade
Data de Defesa: Dez-2017
Resumo: As barragens de alvenaria de pedra são, em regra, estruturas antigas. Para garantir a funcionalidade e a segurança das obras em exploração, estas estruturas são sujeitas periodicamente a obras de beneficiação e reabilitação, essencialmente para assegurar o seu monolitismo estrutural e a impermeabilidade que progressivamente se perdem por diferentes causas, em geral associadas a efeitos térmicos, ações sísmicas e, sobretudo, à lixiviação das argamassas que ligam os blocos de pedra. Esta lixiviação provoca uma degradação progressiva da estrutura, ocasionando a perda de resistência e da rigidez mecânica, afetando o seu comportamento estrutural e hidráulico. No trabalho desenvolveu-se uma metodologia de avaliação dos efeitos estruturais da deterioração das alvenarias das barragens considerando a lixiviação das argamassas de ligação dos blocos, a partir de análises expeditas das águas realizadas nas inspeções periódicas e dos resultados da observação de deslocamentos e de caudais infiltrados pelo corpo das obras. A partir dos caudais infiltrados, avaliou-se a permeabilidade média das alvenarias e estimaram-se as perdas de massa associadas à referida lixiviação. Com os deslocamentos observados estimaram-se os módulos de elasticidade médios das estruturas e estabeleceu-se uma correlação entre as referidas perdas de massa e a parcela dos deslocamentos atribuídos aos efeitos do tempo. As análises apoiaram-se em modelos planos de percolação e estruturais, representativos do comportamento dos perfis transversais das obras, que foram resolvidos pelo programa comercial FLAC, que se baseia no método das diferenças finitas. Utilizaram-se como casos de estudo as quatro barragens de alvenaria portuguesas para as quais se dispõe dos elementos de observação requeridos, que são as barragens de Guilhofrei, Andorinhas, Freigil e Covão do Ferro. Os resultados obtidos são prometedores no que respeita à interpretação dos deslocamentos que se verificam ao longo do tempo nas obras, considerando a deterioração estrutural devida à lixiviação das argamassas de ligação dos blocos das barragens de alvenaria de pedra.
URI: http://hdl.handle.net/10362/30798
Designação: Mestre em Engenharia Civil
Aparece nas colecções:FCT: DEC - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Jalles_2017.pdf5,15 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.