Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/2639
Título: O envelhecimento da população e o seu impacto na habitação – Prospectiva até 2050
Autor: Moreira, Maria de Fátima Carvalho
Orientador: Rodrigues, Teresa
Palavras-chave: Alojamento
Dinâmicas demográficas
Envelhecimento
Habitação
Projecção
População
Sistemas de informação
Living Arrangements
Ageing
Demographic dynamics
Housing
Lodging
Population
Projection
Information systems
Data de Defesa: 24-Nov-2008
Relatório da Série N.º: Mestrado em Estatística e Gestão de Informação;TEGI0221
Resumo: A questão da habitação para as pessoas e para as famílias, nomeadamente a capacidade do parque habitacional se adequar às características físicas da população, é um problema vasto que não se esgota na observação do número de alojamentos disponíveis. Com o aumento da esperança de vida, a ligação entre o envelhecimento demográfico e o alojamento torna-se uma questão da maior actualidade, que se coloca a níveis diferenciados. Este fenómeno afigura-se irreversível e o seu impacto na população portuguesa só poderá ser levemente atenuado se ocorrer um aumento dos níveis de fecundidade ou de saldos migratórios, sendo improvável que aconteça uma diminuição ou abrandamento no aumento da esperança de vida. A estrutura etária da população portuguesa irá envelhecer nas próximas décadas. Segundo o INE, no horizonte 2010-2050, o total de pessoas com mais de 60 anos irá ter um aumento superior a 40%, ultrapassando os três milhões, enquanto a população com mais de 75 anos sofrerá um acréscimo que rondará os 80%. Em simultâneo, o cruzamento de dados demográficos com dados sobre habitação revela-nos que os alojamentos existentes têm crescido nos últimos anos, mesmo em regiões que registaram perdas populacionais. A composição e a dimensão das famílias merecem também uma análise pormenorizada, podendo argumentar-se que a relação entre o número de alojamentos e de habitantes se encontra em mudança, devido às transformações na estrutura familiar. Com efeito, o número de famílias tem vindo a aumentar rapidamente, enquanto a dimensão média das mesmas tem vindo a diminuir.(...)
Descrição: Dissertação apresentada como requisito parcial para obtenção do grau de Mestre em Estatística e Gestão de Informação
URI: http://hdl.handle.net/10362/2639
Aparece nas colecções:NIMS - Dissertações de Mestrado em Estatística e Gestão da Informação

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TEGI0221.pdf1,19 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.