Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/13044
Título: Empregos verdes e desenvolvimento local - O caso de Ponte de Sor
Autor: Prates, Vera Lúcia Alves
Orientador: Farinha, João
Palavras-chave: Desemprego
Economia e crescimento verdes
Empregos verdes
Poder local
Data de Defesa: 2014
Editora: Faculdade de Ciencias e Tecnologia
Resumo: O modelo de desenvolvimento económico utilizado nas últimas décadas mostrou ser ineficiente. Esta ineficiência veio culminar na crise financeira e económica de 2008, que tornou ainda mais reduzida a capacidade das comunidades enfrentarem as diferentes crises. O aumento do desemprego e das más condições de trabalho surgem naturalmente como consequência. A gravidade das recentes crises veio dar destaque aos conceitos de economia e crescimento verdes. As evidências sugerem que a economia verde tem um enorme potencial para a criação de riqueza e emprego. Cabe ao poder local (público e privado) implementar no terreno as estratégias internacionais, europeias, nacionais e/ou regionais produzidas neste âmbito. Enquanto que no quadro internacional e europeu, este tema começa a ser incluído nas estratégias de desenvolvimento e de criação de postos de trabalho, a nível nacional isso ainda não se verifica. A nível regional, o Plano de Acção Regional para o Alentejo (em desenvolvimento) reconhece o enorme potencial desta área para a criação de emprego na região alentejana. A presente dissertação tem como objectivo geral desenvolver linhas de orientação estratégicas para a criação de empregos verdes no concelho de Ponte de Sor. O estudo desenvolvido demonstrou que Ponte de Sor tem boas condições para fazer uma transição para uma economia verde e criar empregos verdes. Este é um facto demonstrado pela tendência de crescimento nos principais sectores económicos existentes e a desenvolver no concelho, e pela existência de activos ambientais de grande valor. No entanto, a não existência de linhas estratégicas específicas a nível local, poderá tornar o processo lento e pouco robusto. As falhas na disponibilidade de dados, e na cooperação entre os vários actores com influência no mercado trabalho, revelam a necessidade de planear as acções a tomar, com vista à criação de mais e melhores postos de trabalho, incluindo empregos verdes.
Descrição: Dissertação para obtenção do grau de Mestre em Engenharia do Ambiente
URI: http://hdl.handle.net/10362/13044
Aparece nas colecções:FCT: DCEA - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Prates_2014.pdf2,52 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.