Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/12532
Título: Efeitos estruturais das sobrecargas rodoviárias definidas das normas mais utilizadas pela engenharia portuguesa em tabuleiros vigados de betão
Autor: Cruz, Licínio Marques da
Orientador: Batista, António
Palavras-chave: Norma
Sobrecarga vertical
Tabuleiro
Ponte vigada
Esforço máximo
Comparação
Data de Defesa: 2014
Editora: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Resumo: O presente trabalho tem como objetivo analisar os esforços provocados por cinco normas (RSA, EC1-2, AASHTO, SATCC, NBR) em corrente uso pela engenharia portuguesa em sete tabuleiros normalmente utilizados pela engenharia portuguesa. No âmbito da tese foram abordadas quatro trabalhos publicados que se enquadravam no estudo efetuado na presente tese, em que sucintamente abordam a evolução da regulamentação, comparação entre normas para casos de vigas bi-apoiadas e um outro que desenvolve um método semi-analitico para obter momentos fletor na laje, e de seguida desenvolve uma comparação entre as normas aplicáveis em Portugal (o RSA e o EC-1). Descreve-se pormenorizadamente e inequivocamente cada norma abordado de forma a que seja muito percetível e de fácil aplicação, assim aplica-se as sobrecargas impostas aos modelos. Para atingir o objetivo pretendido foi construído sete modelos de elementos finitos, em que as propriedades mecânicas foram preenchidas pelas propriedades conhecidas do betão C30/37, com forma a simular o comportamento estrutural das pontes tipo e proceder ao seu carregamento pelas sobrecargas verticais definidas em cada norma. Tendo em conta as várias larguras de tabuleiros e comprimento de vão compara-se os esforços máximos de cada norma nas secções de meio vão e de apoio e com base nesses resultados tirar-se-ão conclusões face à evolução dos resultados das normas entre si e com variação das características geométricas da ponte. De referir ainda que os esforços analisados serão os momentos fletores máximos positivos, negativo e esforço transverso numa análise longitudinal e numa análise transversal o momento fletor máximo negativo na consola e na laje em apoio e o momento fletor máximo positivo na laje entre vigas. Por ultimo efetuar-se-á uma comparação entre os resultados obtidos nos modelos numéricos e as tradicionais superfícies de influência para perceber como ocorre a redistribuição de esforços transversais.
Descrição: Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Engenharia Civil
URI: http://hdl.handle.net/10362/12532
Aparece nas colecções:FCT: DEC - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Cruz_2014.pdf6,53 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.