Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/6188
Título: Da Arte popular às culturas populares híbridas
Autor: Leal, João
Palavras-chave: Arte Popular
Museologia
Patrimonialização
Data: Nov-2009
Editora: CRIA - Centro em Rede de Investigação em Antropologia
Resumo: O artigo apresente dois argumentos principais em defesa do Museu de Arte Popular (Lisboa). O primeiro diz que, num quadro em que tudo se tornou susceptível de patrimonialização, faz todo o sentido encarar o MAP como um património que deve ser defendido ou como um museu que deve ser musealizado. O segundo argumento diz que, num quadro em que as culturas populares têm vindo a ser reformatadas a partir de ideias como a hibridez e a criatividade, faz todo o sentido dinamizar o MAP, fazendo dele uma plataforma de diálogo com essas novas formas da cultura popular.
Descrição: Etnográfica, vol. 13, N. 2, pp. 467-480
URI: http://hdl.handle.net/10362/6188
ISSN: 0873-6561
Aparece nas colecções:FCSH: DA - Artigos em revista nacional com arbitragem científica

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Da_Arte_P-INSERIDO.pdf129,78 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.