Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/20655
Título: Indignados e à “rasca”: Práticas e significados do activismo juvenil em tempos de internet
Autor: Santos, Flávia Regina Ferreira dos
Orientador: Simões, José Alberto
Palavras-chave: Juventude
Participação política
Internet
Cultura cívica
Data de Defesa: 6-Mai-2014
Resumo: Este trabalho de investigação centra-se na compreensão do processo de participação cívica activa dos jovens na sociedade portuguesa através da utilização da internet. À luz do movimento internacional dos Indignados, que se expandiu em Lisboa, buscou-se entender através das práticas dos jovens investigados os significados que condicionaram o seu envolvimento neste movimento e as motivações que interligaram a acção individual e o contexto sociopolítico. Esta tese confirma o papel que a internet desempenha na evolução das práticas sociais colectivas, quando da mesma é feita um uso direccionado para a produção de sentido das práticas. Os jovens que neste trabalho participaram estiveram empenhados em causas sociais e políticas partilhadas não somente com jovens da sua área de proximidade geográfica, mas igualmente alinhados a outras redes internacionais de “jovens indignados” com o mesmo propósito de manifestar o seu protesto contra valores dominantes. A observação das práticas dos Indignados projectadas no espaço público conduziu-nos à elaboração de um sistema de captação da participação juvenil através de um processo metodológico triangular, utilizando-se da observação participante (o que resultou num diário etnográfico de campo), da análise de conteúdos on-line e da realização de entrevistas com 20 jovens integrantes do movimento Indignados Lisboa. As práticas activistas dos Indignados eram manifestadas on-line e posteriormente off-line. Esta dinâmica revelou-nos modos de construção identitária entre os jovens, bem como formas de afirmação pública através da organização de acções colectivas concretas. Desta forma, procurámos compreender de que modo, através dos recursos e práticas utilizados on-line e off-line, os jovens expressam as suas aspirações contestatárias e se apresentam na esfera pública enquanto agentes sociais políticos. Além disso tentámos compreender também que significados e mudanças resultam deste tipo de envolvimento para a vida social dos jovens e as suas trajectórias.
URI: http://hdl.handle.net/10362/20655
Designação: Doutoramento em Ciências da Comunicação especialidade em Culturas Contemporâneas e Novas Tecnologias
Aparece nas colecções:FCSH: DCC - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TESEFlávia_ final.pdf4,62 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.