Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/13073
Título: A lenda de "O fantasma que pede boleia" ("The vanishing hitchhiker") em dois folhetos de cordel brasileiros
Autor: Marques, J. J. Dias
Palavras-chave: Lenda
Literatura
Folheto de cordel
Lendas urbanas
Data: 2011
Editora: CITCEM – Centro de Investigação Transdisciplinar «Cultura, Espaço e Memória». Edições Afrontamento
Resumo: A crença em fantasmas (pessoas que morreram e regressam momentaneamente do Outro Mundo a este ou que, então, não conseguem sair deste mundo e passar para o outro) é provavelmente uma crença universal. É pelo menos, sem dúvida, uma crença atestada em numerosíssimos países de todos os continentes, desde as épocas mais recuadas até hoje em dia, quer na literatura escrita quer sobretudo na literatura oral. Trata-se de uma lenda muito estudada por autores de vários países e que foi, aliás, a primeira das chamadas lendas urbanas ou contemporâneas a ser alvo de um estudo monográfico, publicado em 1942 e 1943, por dois folcloristas norte-americanos, Richard K. Beardsley e Rosalie Hankey, com base em 79 versões recolhidas no seu país.
URI: http://hdl.handle.net/10362/13073
Aparece nas colecções:FCSH: IELT - Capítulos de livros nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
A LENDA DE «O FANTASMA QUE PEDE BOLEIA» («THE VANISHING HITCHHIKER»).pdf506,98 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.