Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/6846
Título: Caracterização e Impacte das quedas de doentes, como indicador de qualidade, num hospital E.P.E.
Autor: Duarte, Magda Cristina Ferreira Nogueira Costa
Orientador: Sousa, Paulo
Palavras-chave: Qualidade
Segurança do Doente
Gestão do Risco
Quedas
Factores de Risco
Prevenção
Quality
Patient Safety
Risk Management
Falls
Risk Factors
Prevention
Data de Defesa: 2011
Editora: Universidade Nova de Lisboa. Escola Nacional de Saúde Pública
Resumo: RESUMO - Introdução: As quedas dos doentes são um dos principais eventos adversos que podem ocorrer em contexto hospitalar, levando por um lado, ao aumento de encargos económicos e sociais, e por outro a consequências físicas e psicológicas nos doentes e respectiva família. Para a sua prevenção, é necessário investir na segurança do doente através de uma avaliação e consequente gestão do risco de quedas. Este trabalho insere-se na estratégia de melhorar a segurança do doente e a qualidade dos cuidados prestados. Objectivos: Avaliar em que medida o formulário existente responde às actuais necessidades de gestão do risco de quedas e suas consequências. Por outro lado, com base numa extensa revisão da literatura nacional e internacional, e tendo em conta as dinâmicas de qualidade e segurança do doente que têm sido criadas no hospital em estudo, propor um formulário mais eficaz que permita responder aos desafios que se colocam nos dias de hoje. Metodologia: Tratou-se de um estudo descritivo exploratório assente no paradigma quantitativo. A população do estudo foi constituída por 98 doentes que sofreram quedas durante o internamento no ano de 2010, num hospital E.P.E. (Entidade Pública Empresarial) Conclusão: As quedas ocorreram mais frequentemente em indivíduos do sexo masculino com doenças cérebro-vasculares e infecciosas, sendo que na maioria das vezes não resultaram em consequências graves. O formulário que aqui se recomenda tem a vantagem de ser informatizado e caracterizar aspectos relacionados com os custos. ---------------- ABSTRACT - Introduction: Falls of patients are one of the main adverse events that may occur in a hospital context, leading on the one hand, to an increase of economic and social burden, and, on the other hand, physical and psychological consequences for patients and their families. For its prevention, we need to invest in patient safety through an assessment and consequent management of the fall risk. This work is inserted in the strategy to improve the Patient safety and the quality of health care. Objectives: To assess the extent to which the form responds to current needs of managing the fall risk and their consequences. On the other hand, on the basis of an extensive review of national and international literature, and taking into account the dynamics of quality and safety of the patient that are created at the hospital in study, to propose a form more efficient in order to respond to the challenges that we face nowadays. Methodology: It was an exploratory descriptive study based on the quantitative paradigm. The population study was constituted by 98 patients who had suffered falls during hospitalization in the year 2010, in a hospital E.P.E. Conclusion: Falling occurred more frequently in male individuals with cerebral-vascular and infectious diseases, and in most of the time, falls have not resulted in serious consequences. The form recommended here has the advantage of being computerized and characterize aspects related with costs.
URI: http://hdl.handle.net/10362/6846
Aparece nas colecções:ENSP: GOSS - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
RUN - Dissertação de Mestrado - Magda Duarte.pdf1,48 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.