Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/40262
Título: Desenvolvimento Urbano Sustentável Proposta de Intervenção
Autor: Almeida, Miguel Artur Silva de
Orientador: Lopes, Ana
Palavras-chave: Desenvolvimento Sustentável
Desenvolvimento Urbano Sustentável
Reabilitação Urbana
Frentes de Água
Princípios do Desenvolvimento Urbano Sustentável em Frentes de Água
Intervenções Propostas
Data de Defesa: Mar-2018
Resumo: O desenvolvimento urbano e a consequente expansão das cidades com os problemas ambientais, sociais e económicos daí derivados, conduz à necessidade de integrar o conceito de sustentabilidade no seu crescimento. Um dos aspectos mais evidentes do Desenvolvimento Sustentável é a reabilitação urbana, com destaque para a recuperação de áreas degradadas. As zonas em frentes de água são, em muitos casos, exemplos vivos desta degradação e necessidade de reabilitação. O Desenvolvimento Sustentável, com as suas vertentes de Desenvolvimento e Planeamento Urbano integram a necessidade de estudar a viabilidade da reabilitação urbana nas zonas ribeirinhas segundo princípios do Desenvolvimento Urbano Sustentável, não só pelo grande desgaste que sofreram com a industrialização e posterior desactivação no pós-industrial, como também pelas suas potencialidades como espaços estratégicos para a melhoria da qualidade de vida. Com estes pressupostos, foi elaborado um projecto de reabilitação urbana numa extensão ainda não intervencionada na frente ribeirinha Norte de Almada. Feita a caracterização do local e da sua inserção no concelho de Almada, foi analisada a viabilidade de recuperar parte do edificado e a necessidade de construir de raiz novas estruturas, propondo fins para a sua utilização, nomeadamente, hotelaria, realização de eventos, comércio, serviços, habitação, residência para a terceira idade e uma piscina. Estudaram-se acessibilidades, estacionamentos ao ar livre e em silo, estratégias de circulação, assim como novos espaços verdes, considerando a harmonia entre a sua utilização e a manutenção da qualidade ambiental. Concluiu-se que o projecto se enquadra na evolução urbanística de Almada, nomeadamente da frente ribeirinha Norte, harmonizando-se com as intervenções já existentes e em curso – Cacilhas e Ginjal. Considera-se que esta intervenção pode ser viável e pode, ainda, contribuir para a melhoria da qualidade de vida da área em que se integra.
URI: http://hdl.handle.net/10362/40262
Designação: Mestre em Engenharia Civil – Perfil de Urbanismo e Transportes
Aparece nas colecções:FCT: DEC - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Almeida_2018.pdf9,87 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.