Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/12524
Título: O género memórias. Análise linguística e perspetiva didática
Autor: Jorge, Noémia de Oliveira
Palavras-chave: Género textual memórias
Campo genológico autobiográfico
Atividade literária
Atividade familiar
Didática de géneros textuais
Data de Defesa: Mar-2014
Editora: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Resumo: Inscrito na área da Linguística do Texto e do Discurso e privilegiando o quadro teórico-epistemológico do Interacionismo sociodiscursivo, o presente estudo centra-se na descrição do género memórias, tendo em conta as dimensões extralinguística, temático-estrutural, psicológico-discursiva e estilística do género. Partindo da análise linguística dos textos memorialísticos produzidos em atividades de linguagem distintas (Memórias da Minha Vida, João Azenha; As Pequenas Memórias, José Saramago), a investigação é orientada por uma perspetiva simultaneamente epistemológica e didática, tendo duas finalidades distintas: por um lado, partindo da análise de textos singulares, contribui para a caracterização do género memórias; por outro lado, através de uma metodologia baseada na investigação-ação, visa criar vias de abordagem linguística dos textos memorialísticos e do género memórias nas práticas escolares. No que diz respeito a questões epistemológicas, parte-se do pressuposto de que os textos são unidades comunicativas globais, produzidas de acordo com modelos préexistentes (géneros de texto), no âmbito de atividades sociais, e defende-se que a construção textual é um processo constituído por duas vertentes em interação – a praxiológica e a gnosiológica. A primeira relaciona-se quer com as práticas sociais/coletivas de linguagem, quer com as formas de ação de linguagem específicas, materializadas nos textos; a segunda, com a capacidade que os textos têm de construir conhecimento (e não apenas de o representar), através de operações psicológicodiscursivas variadas. Ambas as vertentes se dão a conhecer textualmente por meio da vertente linguística que, assim, passa a ser veículo de construção de conhecimento (e não apenas da sua representação). A interação entre a vertente praxiológica e a vertente gnosiológica dos textos é feita por meio de operações psicológico-discursivas específicas, designadas por Bronckart (1997, 2008a) como tipos de discurso (discurso interativo, discurso teórico, relato interativo, narração). A configuração linguística dos textos resulta da verbalização dessas operações, de ocorrência obrigatória (dado que entram na composição de qualquer texto), em articulação com operações de ocorrência opcional, determinadas pelos géneros de texto. No caso do género memórias, privilegiase a ordem do narrar implicado (relato interativo), emoldurada pela ordem do expor implicado (discurso interativo); estas duas ordens discursivas apresentam uma configuração específica, que resulta de uma contingência genológica. Para além disso, os tipos de discurso articulam-se ainda com operações de ocorrência opcional, que ocorrem ao nível infraestrutural, planificando as operações de ocorrência obrigatória (explicação, descrição, argumentação) e ao nível superficial (evocação, reformulação, generalização, modalização). Em relação a questões didáticas, aborda-se especificamente a questão da transposição didática de géneros textuais, não perdendo de vista que os géneros constituem pré-construídos histórico-culturais que, por um lado, têm um funcionamento social específico e que, por outro lado, são objetos de saber passíveis de apropriação pelo ser humano, em contextos de aprendizagem informal e formal. Nesse sentido, apresentase uma proposta de didatização do género memórias (adequada ao 10.º ano de escolaridade), baseada nos pressupostos teóricos explanados nos capítulos anteriores e testada em trabalho de campo.
Descrição: Tese apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Doutor em Linguística
URI: http://hdl.handle.net/10362/12524
Aparece nas colecções:FCSH: DL - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
NJorge_Tese.pdf2,13 MBAdobe PDFVer/Abrir
Parte _II_Analise_TD_ PM.pdf464 kBAdobe PDFVer/Abrir
Parte_II_Analise_TD_MMV.pdf250,93 kBAdobe PDFVer/Abrir
Parte_III_Anexo 3_Recurso_3_GEG.pdf401,15 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.