Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/30813
Título: Caracterização das Casas Caramelas do concelho de Palmela
Autor: Oliveira, Inês Carvalho de
Orientador: Faria, Paulina
Palavras-chave: Adobe
Alvenaria
Caracterização
Casa Caramela
Ensaio físico-mecânico
Ensaio in situ
Data de Defesa: Dez-2017
Resumo: Ao longo dos últimos anos o panorama da construção, particularmente em Portugal, tem sofrido muitas alterações. Felizmente, o interesse pela conservação e reabilitação do edificado existente tem sido crescente, acompanhando a tendência de outros países. Paralelamente, a nível mundial, surgem grandes questões relacionadas com a sustentabilidade da construção. A construção com paredes de terra constitui uma solução eco-eficiente, face a métodos construtivos mais modernos. Em Portugal, existe uma forte tradição deste tipo de construção, principalmente sob a forma de paredes de taipa e alvenaria de adobe. Uma região a sul do Tejo, designada localmente como região Caramela, tem como base da sua cultura construções em alvenaria de adobe que datam do início do séc. XX, designadas como casas Caramelas. O presente trabalho, realizado no âmbito do projeto DB-HERITAGE (Base de dados de materiais de construção com interesse histórico e patrimonial), avalia as principais características destas construções. Com base num outro estudo preliminar desenvolvido nesta região, foi realizado um mapeamento de uma das freguesias do concelho de Palmela – Pinhal Novo – delineando os principais traços arquitetónicos, construtivos e anomalias das casas Caramelas. Em simultâneo, foram desenvolvidas algumas ações locais, com o objetivo de recolher informação sobre as construções e sensibilizar a população para a importância de conservar este tipo de casas e os métodos construtivos tradicionais associados. Finalmente, avaliaram-se as características de amostras de adobes recolhidos in situ, em termos de constituição da matéria-prima, mecânica e fisicamente, através de ensaios de laboratório e in situ. Foi possível identificar uma tipologia construtiva característica desta zona, que é identificável pela população local. No entanto, concluiu-se que a maioria das habitações não é considerada relevante para os seus proprietários, sendo notório o desinteresse face à sua conservação. O cenário é transmissível às freguesias vizinhas, onde o panorama é idêntico. Associa-se a falta de interesse ao estilo de vida e à cultura vigente; contudo acredita-se que é possível vir a alterar o paradigma e criar ações que potenciem o interesse dos proprietários pelas casas Caramelas. Os ensaios de caracterização da matéria-prima confirmaram o elevado teor em areias finas, como expetável com base numa avaliação primordial durante as recolhas. Em termos de desempenho do adobe nos ensaios de laboratório e in situ, o estudo revelou resistências medianas dos adobes à compressão simples; já os de resistência à tração por flexão foram bastante acima do esperado. Os restantes ensaios confirmaram a durabilidade e elevada resistência superficial deste material, mesmo quando desprotegido, face a outros materiais construtivos com terra. O seu comportamento face à água é bastante satisfatório, como se pode observar nos ensaios de capilaridade e secagem. Por fim apresentam-se propostas de intervenções que podem contribuir para a conservação e reabilitação das casas Caramelas.
URI: http://hdl.handle.net/10362/30813
Designação: Mestre em Engenharia Civil – Perfil de Construção
Aparece nas colecções:FCT: DEC - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Oliveira_2017.pdf14,4 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.