Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/12587
Título: Guimarães – da fundação a Património da Humanidade
Autor: Afonso, José Ferrão
Palavras-chave: Guimarães
Dupla
Castelo
Colegiada
Património
Data: 2007
Editora: Edições Colibri / Instituto de História da Arte - Faculdade de Ciências Sociais e Humanas/UNL
Resumo: Guimarães seria originalmente formada por duas vilas, contíguas, mas formal e administrativamente independentes, apenas unificadas por D. João I. A Vila Baixa seguiria um caminho de progresso, enquanto que o burgo do castelo entraria num longo processo de decadência. Nos finais do século XIX emergiu em Guimarães uma cultura patrimonial, centrada na história medieval da cidade e muito marcada pelos valores românticos. Ela estará na origem das grandes acções de recuperação da Vila do Castelo, integradas nas Comemorações dos Centenários promovidas pelo Estado Novo em 1940. Esboça-se então uma nova divisão da cidade. Uma visão integrada das questões patrimoniais, contudo, ultrapassará definitivamente essa situação e o conjunto urbano será classificado como Património Cultural da Humanidade.
Descrição: Revista do IHA, N.4 (2007), pp.246-269
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10362/12587
ISSN: 1646-1762
Aparece nas colecções:Revista do IHA Nº 4 (2007)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ART_10_Afonso.pdf667,25 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.