Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/9400
Título: Qualidade no Serviço Nacional de Saúde : evolução recente e perspectivas futuras
Autor: Mendes, Vanessa de Melo Pena
Orientador: Santos,Carlos Silva
Palavras-chave: Qualidade em saúde
Melhoria contínua da qualidade
Política de qualidade em saúde
Quality in healthcare
Continuous quality improvement
Policy on quality in health care
Data de Defesa: 2012
Editora: Universidade Nova de Lisboa. Escola Nacional de Saúde Pública
Resumo: RESUMO - A qualidade é um pilar fundamental de qualquer sector de actividade. No sector da saúde, a qualidade deixou de ser um factor opcional e tornou-se uma prioridade, uma exigência e um requisito de enorme importância na gestão das organizações de saúde, representando a sua responsabilidade, ética e respeito pelos cidadãos que a elas recorrem. O crescente interesse pelas questões da qualidade segue, ao longo das últimas décadas, uma tendência mundial nos sistemas de saúde, sendo um dos temas mais presentes no debate político e nas estratégias de saúde um pouco por todo o mundo. Porém, as abordagens à qualidade são díspares, reflectindo a sua dinâmica e o pouco consenso nesta área, o que justifica a necessidade de reflectir sobre o tema e de estudar as estratégias actualmente implementadas. Objectivos Este trabalho pretendeu apresentar uma perspectiva integrada e completa da qualidade em saúde em Portugal, contribuindo para o seu entendimento global e reflexão. Teve como finalidade estudar a sua evolução, nomeadamente a nível das políticas, das práticas e dos seus resultados, e conhecer a situação actual da qualidade nas organizações públicas de saúde nacionais, podendo assim contribuir para novas medidas nesta área. Metodologia Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas a oito peritos portugueses na área da qualidade em saúde, seleccionados diante critérios de diversidade profissional, formação de base, tipo de instituição e localização geográfica onde exercem a sua actividade. Para as entrevistas foi elaborado um guião com perguntas sobre vários temas relacionados com a área da qualidade em saúde. As entrevistas foram gravadas e a informação foi transcrita e organizada em categorias através de uma análise de conteúdo. Para o segundo objectivo do estudo, foi construído e proposto um questionário, como projecto para investigações futuras. Resultados e Conclusões Os resultados mostraram que a qualidade é um tema muito valorizado e presente nos quadros da administração de saúde portuguesa. A sua evolução sofreu diversas mudanças, com fases de grande progresso e outras de grande indefinição. No entanto, ficou evidente que a grande divergência de opiniões justifica a necessidade de uma maior discussão e consenso a nível nacional e internacional nesta área. O futuro da qualidade em saúde em Portugal irá depender da capacidade do Departamento da Qualidade na Saúde e das organizações gerirem esta complexa área.
ABSTRACT - Quality is an essential support of any sector of activity. In the health sector, quality is no longer an optional factor and became a priority, a demand and a requirement of huge importance in the management of healthcare organizations, representing its responsibility, ethics and respect for citizens who use them. The growing interest in quality issues follows, over the past few decades, a global trend in health systems, being one of the most present themes in the political debate and in health strategies around the world. However, the approaches to quality are different, reflecting its dynamics and little consensus in this area, which justifies the need to reflect on the subject and study the strategies currently implemented. Objectives This work was intended to present a complete and integrated perspective of quality in healthcare in Portugal, contributing to its global understanding and reflection. It had the purpose to study its evolution, particularly in terms of policies, practices and outcomes, and to understand the current situation of quality in public health organizations, so that can contribute to further strategies in this area. Methodology Semi-structured interviews were conducted to eight Portuguese experts in the area of health quality, selected on criteria of diversity of professional activity, basic formation, type of institution and geographic location where they work. For the interviews was prepared a script with questions on various topics related to the health quality area. The interviews were recorded and the information was transcribed and organized into categories using a content analysis. For the second objective of the study, was proposed and constructed a questionnaire, as a project for future investigations. Results and Final Conclusions The results showed that quality is a very present and valued concept in the Portuguese health administration. Its evolution has undergone several changes, with periods of great progress and others of great uncertainty. However, it was evident that the great divergence of opinions justifies the need for further discussion and consensus at national and international level in this area. The future of quality in healthcare in Portugal will depend on the ability of the Department of Quality in Healthcare and of organizations to manage this complex area.
URI: http://hdl.handle.net/10362/9400
Aparece nas colecções:ENSP: GOSS - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
RUN - Dissertação de Mestrado - Vanessa Mendes.pdf1,49 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.