Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/4207
Título: Avaliação e monitorização da condição física dos habitantes seniores do concelho do Seixal
Autor: Almeida, Ana Rita
Orientador: Vassilenko, Valentina
Seabra, Fernanda
Data de Defesa: 2010
Editora: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Resumo: Estima-se que em Portugal mais de 60% dos adultos não efectuam os níveis de actividade física benéficos para a saúde. Num universo particular como a população sénior do concelho do Seixal este sedentarismo crescente e a sua consequência em doenças hipocinéticas, tem sido alvo de preocupação por parte da Câmara Municipal. Esta preocupação levou a que a Câmara Municipal do Seixal procurasse parcerias de modo a poder avaliar e monitorizar a condição física desta população, visando implementar, em cada idoso, um plano individualizado de actividade física. De uma dessas parcerias nasce este projecto cujo produto final se reflecte em dois programas computacionais: “MoniSeixal”, que permite avaliar a condição física do indivíduo, indicar o programa físico a seguir e monitorizá-lo ao longo do tempo e, “Estatística de grupos”, um programa estatístico que possibilita a comparação dos resultados entre os vários indivíduos agrupados por sexo, idade, associação ou habilitações literárias. Um alargado inquérito foi levado a cabo junto dos habitantes seniores inscritos nas associações de onde se depreendeu que, apesar de todos serem considerados aptos à prática de actividade física, uma elevada percentagem sofre de patologias como a diabetes, hipertensão e cardipatias pelo que é crucial uma avaliação da condição física antes de ser iniciado qualquer tipo de plano físico. A avaliação da condição física assentará em três componentes: a morfológica (composição corporal e massa óssea); a muscular (resistência e flexibilidade) e a cardiorrespiratória(capacidade aeróbia sub-máxima). Após uma pesquisa aprofundada aos diversos métodos existentes para mensuração destas componentes, os que se apresentaram como mais fiáveis e aplicáveis para a população em questão foram: para a composição corporal e massa óssea, a antropometria; para a resistência muscular, o levantamento de pesos; para a flexibilidade, o flexiteste adaptado e para a capacidade aeróbia, o cicloergómetro.
Descrição: Dissertação apresentada na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para obtenção do Grau de Mestre em Engenharia Biomédica
URI: http://hdl.handle.net/10362/4207
Aparece nas colecções:FCT: DF - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Almeida_2010.pdf6,23 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.