Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/3995
Título: Manuel Borges Carneiro e o Vintismo. Cultura e Política
Autor: Castro, Zília Osório de
Data: 1989
Editora: Instituto Nacional de Investigação Científica. Centro de História da Cultura da Universidade Nova de Lisboa
Relatório da Série N.º: N.5;Vol.2
Resumo: 1. A abordagem do pensamento político de Manuel Borges Car­ neiro tem por objecto definir os conceitos de sociedade e de soberania. Considerados expoentes dos valores mais representativos da ruptura entre o antigo regime e a monarquia constitucional são, ao mesmo tempo, de tal modo interdependentes que as mutações de um implicam e expli­ cam as mutações do outro. Isto acontece porque ambos são índices de um conjunto muito complexo de idéias e de questões decorrentes de uma perspectiva global da realidade e correspondem a interrogações fun­ damentais sobre o sentido da existência humana e sobre o mundo em que ela decorre. A alteração das instituições (por princípio, conservadoras) apresenta-se a nível político como a última etapa (embora sem dúvida a mais significativa) da implantação de novos valores. Pressupõe, por isso, uma transformação de mentalidade ou, pelo menos, uma sensibilização ao que se apresenta como inovador, reflectindo assim uma mutação cultu­ ral mais ou menos radical, mais ou menos generalizada.
Descrição: Cultura Moderna e Contemporânea, n.5, vol.2
URI: http://hdl.handle.net/10362/3995
ISBN: 972-667-120-5
Aparece nas colecções:FCSH: CHAM - Capítulo de livros nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Cultura Moderna e Contemporanea 5 2.pdf69,16 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.