Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/3333
Título: Controlo da ventilação
Autor: Bárbara, Cristina
Carmo, Miguel Mota
Rendas, António Bensabat
Ávila, Ramiro
Palavras-chave: Respiração
Controlo da Ventilação
Fisiopatologia
Data: 1995
Editora: Odem dos Médicos
Resumo: O sistema de controlo da ventilação pode ser considerado como um circuito fechado constituído por dois subsistemas: o sistema controlador e o controlado. Ambos são definidos pelas suas entradas (inputs) e saídas (outputs). O sistema controlador tem como substrato anátomo-fisiológico os centros respiratórios que levam a cabo dois tipos de controlo da ventilação: o automático e o voluntário. A informação de entrada do sistema controlador é um valor de gasometria e tem como saídas parâmetros de ventilação. Estes últimos constituem a informação de entrada do sistema controlado ou efector, o qual terá como saídas valores de gases no sangue. Desta forma a respiração é normalmente regulada por dois tipos de controlo anatomicamente distintos mas funcionalmente integrados, denominados controlo metabólico ou automático e controlo voluntário ou comportamental. O primeiro refere-se à homeostasia dos gases no sangue e o segundo relaciona-se com a coordenação da respiração com actos voluntários como a formação e o canto.
Descrição: Acta Medica Portuguesa, 1995, 8: 433-440
URI: http://hdl.handle.net/10362/3333
ISSN: 1646 - 0758
Aparece nas colecções:NMS-FCM - Artigos em revista nacional com arbitragem científica

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Rendas_1995_Controlo da ventilacao.pdf1,33 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.