Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/2650
Título: Análise de indicadores de produtividade de circuitos de recolha selectiva de RSU com diferentes características operacionais
Autor: Gomes, Cristina Maria Bravo
Orientador: Martinho, Maria da Graça
Data de Defesa: 2009
Editora: FCT - UNL
Resumo: A nova Directiva Quadro de Resíduos, Directiva n.º 2008/98/CE, reforça a hierarquia de prioridades em termos de gestão de resíduos: prevenção, preparação para a reutilização,reciclagem, outros tipos de valorização (e.g. valorização energética) e, por último, a eliminação. Assim sendo importa promover sistemas integrados de gestão de resíduos sólidos urbanos (RSU). Estes englobam uma série de operações e processos, nomeadamente operações de recolha, transporte, armazenagem, tratamento, valorização e eliminação de resíduos, incluindo a monitorização dos locais de descarga após o encerramento das respectivas instalações, bem como o planeamento dessas operações. A componente de recolha e transporte assume uma especial importância, devido principalmente ao facto de ser uma das componentes mais dispendiosas do sistema, logisticamente complexa, vulnerável aos comportamentos dos produtores e que funciona como imagem do sistema perante os utentes. Por esta razão, torna-se importante realizar a aferição do desempenho dos sistemas de recolha de RSU, recorrendo a um conjunto de indicadores, sendo assim possível identificar os factores que poderão interferir na sua produtividade e nos custos envolvidos. Este estudo teve por objectivos, por um lado, determinar indicadores operacionais e de produtividade de circuitos de recolha selectiva de RSU e, por outro lado, avaliar a influência que determinadas variáveis operacionais poderão ter na produtividade desses circuitos, nomeadamente o tipo de material a recolher e o tipo de sistema de remoção contentor/viatura. Desta forma realizaram-se campanhas de monitorização em treze circuitos de recolha, doze do Concelho de Loures e um do Concelho de Sintra, para medição dos parâmetros necessários ao cálculo dos indicadores seleccionados para caracterizar os circuitos e para avaliar a influência das variáveis operacionais. Os resultados obtidos da monitorização de 652 pontos de recolha com diferentes tipos de contentores, quer em número, quer em capacidade, bem como a análise de 112 folhas de registo dos circuitos, permitiram a determinação de indicadores típicos de circuitos de recolha selectiva de RSU, como os tempos e as distâncias médias por circuito,decompostos nas suas componentes unitárias, e a determinação de indicadores de produtividade como, por exemplo, os que relacionam as quantidades recolhidas por distância percorrida. Permitiu ainda testar o efeito que o tipo de material a recolher e o tipo de sistema de remoção contentor/viatura tem como potenciais influenciadores na produtividade dos circuitos. De uma forma geral, os resultados apontam para a influência destas variáveis no desempenho dos sistemas de recolha selectiva de RSU. Os resultados obtidos poderão dar um contributo importante aos técnicos que realizam projectos de recolha, servindo igualmente como referência para estudos semelhantes que se venham a realizar sobre análise de circuitos e indicadores de recolha selectiva de RSU.
Descrição: Dissertação apresentada na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para a obtenção do grau de Mestre em Engenharia do Ambiente, perfil Engenharia Sanitária
URI: http://hdl.handle.net/10362/2650
Aparece nas colecções:FCT: DCEA - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Gomes_2009.pdf2,4 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.