Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/1780
Título: Amianto: medidas para a implementação de um plano de controlo num edifício
Autor: Pereira, Liliana Alexandra de Sá
Orientador: Martinho, Graça
Data de Defesa: 2008
Editora: FCT - UNL
Resumo: Sabendo que o amianto está incorporado em cerca de 3000 produtos, estima-se que esteja presente na maioria dos edifícios cuja construção tenha sido iniciada antes de 2005, dada as suas excelentes propriedades e baixo custo. A nível nacional, a Assembleia da República recomendou que fosse realizado um inventário aos edifícios públicos que contivessem amianto na sua constituição e que se procedesse à respectiva resolução, dando como prazo Abril de 2004. A extinta Direcção-Geral das Instalações e Equipamentos da Saúde solicitou, em 2006, às Administrações Regionais da Saúde a realização de inquéritos às respectivas unidades de saúde sobre a presença de amianto nos seus edifícios. Através da análise estatística das respostas obtidas, verificou-se que a maioria dos gestores de edifício não conseguiu identificar MCA e que, a maioria dos que identificaram, limitaram-se ao reconhecimento de elementos construtivos com fibrocimento. Com o propósito de informar e sensibilizar os gestores de edifícios de unidades de saúde, à autora desta tese foi incumbida a função de coordenadora de um plano de acção para o controlo do amianto em unidades de saúde. A principal finalidade deste plano incluía a elaboração de um Guia para o controlo de MCA em edifícios de unidades de saúde, tendo sido baseado num projecto- piloto, no acompanhamento de trabalhos de remoção e em documentos normalizadores de países europeus e, mais recentemente, no acompanhamento de diagnóstico. Tendo em conta o exposto, o objectivo desta dissertação é avaliar a problemática da presença de MCA num grande número de edifícios, os seus efeitos na saúde pública e no ambiente, análisede documentos normalizadores internacionais e, a partir daí, indicar medidas de controlo ou soluções a serem implementadas para superar esta dificuldade e minimizar o risco de exposição a MCA. O trabalho desenvolvido ao longo desta dissertação, permitiu constatar que existe uma grande falta de sensibilização, por parte dos gestores de edifícios, sobre os perigos de exposição a fibras de amianto, sobre os procedimentos de segurança e sobre a existência de técnicos e de empresas certificados que garantam a qualidade de aplicação dos procedimentos.
Descrição: Dissertação apresentada na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para obtenção do grau de Mestre em Engenharia do Ambiente, perfil de Engenharia Sanitária
URI: http://hdl.handle.net/10362/1780
Aparece nas colecções:FCT: DCEA - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Pereira_2008.pdf2,79 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.