Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/14489
Título: Desigualdades socioeconómicas no tabagismo em jovens dos 15 aos 17 anos : estudo SILNE
Autor: Cristina, Andreia Sofia
Orientador: Perelman, Julian
Alves, Joana
Palavras-chave: Desigualdades Socioeconómicas
Consumo Tabaco
Adolescência
Socioeconomic inequalities
Tobacco consumption
Adolescence
Data de Defesa: 2014
Resumo: RESUMO - As desigualdades em saúde estão relacionadas com as condições em que as pessoas se desenvolvem. Estas condições podem ser afetadas, principalmente, por diferenças de rendimento, background socioeconómico, educação e estilos de vida. A adolescência é um período de mudança em que os jovens podem experienciar comportamentos de risco que podem prevalecer na idade adulta. Uma posição socioeconómica inferior, do adolescente, pode estar associada a um aumento na prevalência de consumo de tabaco. Este trabalho tem como objetivo: verificar a associação entre estatuto socioeconómico e consumo de tabaco nos adolescentes em Portugal. Utilizaram-se dados colhidos por questionário, em Abril e Outubro de 2013 na cidade de Coimbra. O questionário insere-se no projeto europeu SILNE. Para avaliar o estatuto socioeconómico foram analisadas cinco variáveis: Family Affluence Scale, privação material, posição social subjetiva, semanada, educação e emprego dos pais. Para estratificar o comportamento do fumador foram desenvolvidas três variáveis: não fumador, experimenter e fumador regular. A análise foi separada por sexo. Constata-se que as raparigas fumam, em média, menos que os rapazes (F =17.1%; M =22.1%). Concluímos que o estatuto socioeconómico, avaliado pela Family Affluence Scale, posição social subjetiva, privação material, educação e emprego dos pais não têm impacto no consumo de tabaco no adolescente. As desigualdades socioeconómicas no consumo de tabaco nos adolescentes estão sim, relacionadas com o próprio estatuto socioeconómico do adolescente, traduzido pela semanada que este recebe. Foi encontrado no desempenho escolar um efeito mediador entre desigualdades socioeconómicas e consumo de tabaco na adolescência.
ABSTRACT - Health is related with the conditions in which people grow in childhood and adolescence. These conditions mostly depend on the individual socioeconomic background, lifestyles and contextual factors. In particular, adolescence is a period of change in which youngsters can try out some risk behaviors that can last until adulthood, with potentially severe consequences for their health. If risk behaviors are more prevalent in less favored adolescentes, there will be a higher risk of social inequalities in adult lifestyles, with important consequences in terms of health inequality. This study intends to verify the association between socioeconomic status and tobacco consumption among adolescent in Portugal. The data used was collected by questionnaire, between April and October of 2013, from 6 schools located in Coimbra, constituting a sample of 1,900 adolescents, aged from 15 to 17 years. To evaluate the socioeconomic status, five variables were analyzed: Family Affluence Scale, deprivation, subjective social position, weekly allowances and parent’s education and employment. To stratify the smoker’s behavior, a trhee variable were created: non-smoker, experimenter and regular smoker. The inequalities in smoking behavior were measured by univariate analysis and multivariate logistic regressions. The analysis was made separate by gender. Girls smoked, in average, less than boys (F=17.1%; M=22.1%). tobacco consumption amoung adolescents was not significantly connected to the socioeconomic background. However, the regular tobacco consumption in adolescents was significantly related with adolescent’s own socioeconomic status, measured by their weekly allowance (F: OR 0 – 5 € = 0,288, OR 6 – 10 € = 0,640; M: OR 0 – 5 € = 0,354, OR 6 – 10 € = 0,625). The effect of the weekly allowance on smoking was partially explained by school performance.
URI: http://hdl.handle.net/10362/14489
Designação: Curso de Mestrado em Gestão da Saúde
Aparece nas colecções:ENSP: GOSS - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
RUN - Dissertação de Mestrado - Andreia Sofia Cristina.pdf1,65 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.