Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/13211
Título: O anarquismo e a estética da liberdade
Autor: Rendeiro, Alexandre Oriano Dias
Palavras-chave: Acção
Anarquismo
Bakunine
Stirner
Significado
Estética
Poesia
Representação
Liberdade
Linguagem
Data de Defesa: Abr-2014
Resumo: Este trabalho é uma releitura dos filósofos anarquistas Mikhail Bakunine e Max Stirner de modo a apurar uma estética a partir da sua ontologia anárquica. Outras fontes são usadas no sentido de mostrar a relação antagónica do anarquismo com a soberania e com a representatividade. O conteúdo abordado problematiza uma ideia de “arte de viver” que consiste na combinaçao do “nada criativo” de Stirner com a concepção de “Natureza produto-produtora” de Bakunine. Enquanto o primeiro constitui o cerne ontológico do indivíduo, o último está relacionado com a ideia de “desejo” elaborada por Deleuze e Guattari. A afirmação do “desejo” como “produção do real” torna o “nada criativo” de Stirner a morada íntima de criação do mundo
URI: http://hdl.handle.net/10362/13211
Designação: Dissertação apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Filosofia - Estética
Aparece nas colecções:FCSH: DF - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
oanarquismoeaesteticadaliberdade.pdf355,98 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.