Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10362/11268
Título: Avaliação dos hábitos alimentares de estudantes do 2º e 3º ciclo do ensino básico de um colégio privado da grande área de Lisboa e a sua relação com a prática de actividade física
Autor: Vale, Isabel Sofia Garcia do
Orientador: Pessoa, Maria Fernanda
Lidon, Fernando
Palavras-chave: Actividade física
Adolescentes
Hábitos alimentares
Índice de massa corporal
Obesidade
Data de Defesa: 2013
Editora: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Resumo: O acompanhamento do estado nutricional das crianças/pré-adolescentes e dos adolescentes é uma forma de se conseguir diagnosticar o seu actual estado de saúde, assim como antever de forma parcial o seu prognóstico na vida adulta. Práticas alimentares relacionadas com o consumo elevado de teor de lípidos, sódio e sacarose e consequente consumo reduzido de cereais integrais, frutas e hortaliças associadas à inactividade física decorrente de uma vida sedentária influenciam uma parte considerável do ser humano, principalmente as crianças, pré-adolescentes, adolescentes. Este estilo de vida reflecte também os hábitos alimentares familiares, podendo ser reflexo do meio social em que se inserem, assim como do ambiente escolar que o indivíduo frequenta. Ter a noção e perceber a relação entre hábitos alimentares, prática de actividade física e actividades sedentárias, é cada vez mais importante, devido às alterações que a vida do Ser Humano tem sofrido nas últimas décadas. Sendo este um tema de extrema importância no que se refere à prevenção de problemas que possam surgir num futuro próximo, assim como longínquo ao nível do estado de saúde do indivíduo. Com este estudo pretende-se obter uma avaliação dos hábitos alimentares e a sua relação com a actividade física dos alunos e dos respectivos encarregados de educação. Sempre com a finalidade do bem-estar presente e futuro do aluno, visto este se encontrar numa fase da vida em que os hábitos adquiridos e praticados serão importantes tanto no seu presente como no seu futuro. De salientar também a importância dos factores familiares, emocionais, socioculturais e sócio-económicos no costume do comportamento alimentar. Dos resultados obtidos, verificamos que os alunos do 2º ciclo enquadram-se essencialmente no perfil abaixo do Peso Normal, já os do 3º ciclo no perfil excesso de peso. Os alunos do 2º ciclo são os que praticam mais actividade física, já os do 3º ciclo são os que descansam menos e cujos hábitos alimentares são mais semelhantes aos dos respectivos progenitores.
Descrição: Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Tecnologia e Segurança Alimentar
URI: http://hdl.handle.net/10362/11268
Aparece nas colecções:FCT: DCTB - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Vale_2013.pdf8,39 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.