DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (FCSH) >
Revista da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas >
Revista da FCSH - 2003 >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/7997

Title: O Homo Habilis na história trágico-maritíma as metamorfoses do engenho
Authors: Moniz, António Manuel de Andrade
Issue Date: 2003
Publisher: Colibri
Abstract: Confrontado com perigos, suspeitados e insuspeitados, dotado de recursos científicos e tecnológicos ainda incipientes, comparados com os séculos vindouros, o homem quinhentista oscila entre o gigantismo ousado das grandes realizações oceânicas e o primitivismo nômada da pré-história. Repartido entre a função emotiva e poética, de caracter elegíaco, e a função referencial da linguagem, o discurso veiculado na História Trágico-Marítima enfatiza de modo recorrente e exaustivo o conflito dramático do homo viator na luta pela sobrevivência. Num apelo constante à piedade alheia, o texto trágico realiza intencionalmente uma cátharsis, ou processo de purificação do leitor/ espectador, a partir da comunhão vivencial com a dor das personagens intervenientes. Nesta partilha espiritual de experiências e dificuldades, emoções e sentimentos, põe-se em funcionamento um mecanismo dialéctico implícito, comum a toda a actividade humana mas aqui naturalmente mais saliente, devido aos condicionalismos específicos da situação expansionista, que é constituído pelos binômios instinto versus razão e natura versus cultura. Esta tensão, explicitada no domínio das carências básicas, abrange a fome/sede e a alimentação, a nudez e o vestuário, o sono e a vigilância, o repouso e o trabalho.
URI: http://hdl.handle.net/10362/7997
ISSN: 0871-2778
Appears in Collections:Revista da FCSH - 2003

Files in This Item:

File Description SizeFormat
RFCSH15_119_137.pdf18.8 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
View Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Statistics  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE