DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT) >
FCT Departamentos >
FCT: Departamento de Ciências Sociais Aplicadas >
FCT: DCSA - Teses de Doutoramento >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/7914

Title: Interacção e conhecimento: um estudo de caso que analisa a história de um projecto
Authors: Ventura, Cláudia Sofia do Carmo
Advisor: César, Margarida
Matos, José
Keywords: Transições
Investigação
Trabalho colaborativo
Apropriação de conhecimentos
Capacidades e competências
Matemática
Issue Date: 2012
Publisher: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Abstract: A matemática é frequentemente rejeitada pelos alunos e associada a elevadas taxas de insucesso académico (Abrantes, 1994). Assume um papel essencial nos percursos académicos e profissionais, configurando as trajectórias de participação ao longo da vida (César, submetido). Assumimos uma abordagem histórico-cultural (Vygotsky, 1934/1986), considerando a aprendizagem como situada no tempo e no espaço (César, 2003; Lave & Wenger, 1991). Utilizamos o trabalho colaborativo como mediador e facilitador da participação legítima dos alunos nos processos de aprendizagem (César, 2007), permitindo-lhes expressar voz(es) e atribuir sentidos (Bakhtin, 1929/1981; Hermans, 2001). Este empowerment facilita as transições entre as culturas em que participam (Abreu, Bishop, & Presmeg, 2002; César, 2009a, in press), promovendo o acesso aos artefactos culturais da matemática. Assumindo uma abordagem interpretativa, realizámos um estudo de caso intrínseco (Stake, 1995/2007), sobre o projecto Interacção e Conhecimento (IC). Este projecto teve como principal objectivo estudar e promover as interacções sociais, nomeadamente entre pares, criando cenários de educação formal mais inclusivos (César, 2009a). Os participantes são os 97 investigadores e professores/investigadores da equipa central do IC, dos quais 69 são professores/investigadores que leccionavam a disciplina de Matemática ou disciplinas afins, respectivos alunos, encarregados de educação, avaliadores externos, outros observadores e outros agentes educativos. Os dados foram recolhidos através de recolha documental (corpus empírico do IC) e conversas informais. Procedemos a uma análise de conteúdo sucessiva e aprofundada (Hamido & César, 2009), de índole narrativa (Clandinin & Connelly, 1998). A análise de dados ilumina três tipos de transições: (1) teóricas; (2) metodológicas; e (3) das práticas. Analisamos estes tipos de transições, bem como a forma como elas se inter-relacionam. Procuramos ainda, através de um par paradigmático do projecto IC, ilustrar o modo como estas transições configuram – e são configuradas – pela forma como a equipa do IC interpreta os dados recolhidos, iluminando algumas evidências empíricas.
Description: Dissertação para obtenção do Grau de Doutor em Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10362/7914
Appears in Collections:FCT: DCSA - Teses de Doutoramento

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Ventura_2012.pdf6.22 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
View Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Statistics  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE