DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (FCSH) >
FCSH Departamentos >
FCSH: Departamento de Ciências da Comunicação >
FCSH: DCC - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/7865

Título: Estratégias de comunicação das deputadas parlamentares nas redes sociais
Autor: Manso, Patrícia Alexandra Honório Contreiras
Palavras-chave: Deputadas parlamentares
Facebook
Democracia
Issue Date: Mar-2012
Editora: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Resumo: O objectivo deste trabalho de projecto consistiu em procurar investigar as Redes Sociais utilizadas pelas deputadas parlamentares da XII legislatura (2011-…), tentando identificar se correspondiam, ou não, a estratégias de comunicação visando potenciar a sua visibilidade. Partimos de uma série de perguntas, suscitadas ainda no decorrer da parte escolar do mestrado em Novos Media e Práticas Web, tais como: Serão as Redes Sociais utilizadas, como ferramentas impulsionadoras de uma maior democracia digital? Serão as Redes Sociais mobilizadoras, incentivando a uma participação política mais activa? Outras surgiram entretanto: Será que as mulheres deputadas parlamentares utilizam essas ferramentas? Estarão as mulheres deputadas conscientes do potencial e poder que estas Redes Sociais oferecem? Ancorámos o nosso estudo tendo por base três eixos fundamentais que fizemos corresponder a 3 grandes blocos, a saber, deputadas parlamentares, política e redes sociais. Procurámos pois com este trabalho obter respostas às perguntas colocadas e identificar algumas tendências. Assim, com base na revisão da literatura selecionámos autores e obras de modo a permitir um enquadramento teórico consentâneo com as áreas implicadas, estudos de género, de política parlamentar, e de relação das mulheres com as redes sociais. De modo a inquirir procurando obter dados concretos criámos um dispositivo específico para o efeito. O instrumento utilizado foi um inquérito online, o qual permitiu avaliar e compreender os usos, hábitos e práticas das deputadas parlamentares portuguesas no Facebook. As respostas foram tratadas e alguns dos dados mais relevantes integrados no corpo do trabalho, apresentados em forma de gráficos, quadros, permitindo uma análise estatística que disponibilizámos. A investigação por nós conduzida permitiu responder às questões formuladas. O Facebook foi a Rede Social eleita pelas inquiridas. Os resultados obtidos apontam para o reconhecimento de que o Facebook é um instrumento de poder, apesar de ser utilizado do mesmo modo nas estratégias comunicacionais que já mobilizavam as deputadas parlamentares para as formas tradicionais de comunicação de massas, assentes numa difusão unilateral. Donde, nos permitimos constatar estarem a ser ainda subestimadas, ou melhor, subaproveitadas, as Redes Sociais por parte das deputadas parlamentares portuguesas, que nelas poderiam ter as suas melhores aliadas, quer na promoção de causas, quer como mecanismo de recurso capaz de alavancar a visibilidade desejada e a interacção com o(s) público(s) desejável (eis).
Descrição: Trabalho de Projecto apresentado para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Novos Media e Prática Web
URI: http://hdl.handle.net/10362/7865
Appears in Collections:FCSH: DCC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Trabalho projecto-Patrícia Contreiras032012 -Revisto.pdf2,16 MBAdobe PDFView/Open
Restrict Access. You can request a copy!
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE