DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (FCSH) >
FCSH Departamentos >
FCSH: Departamento de História da Arte >
FCSH: DHA - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/7773

Title: Marcas arquitetónico - artistícas da cristianização do território entre Évora e Beja
Authors: Feio, Jorge Manuel da Palma Moreira
Issue Date: Sep-2010
Publisher: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Abstract: A presente Dissertação de Mestrado tem por base o estudo das marcas da cristianização do território situado entre as duas principais cidades do antigo conuentus Pacensis, que acabariam por ser sedes de duas grandes dioceses ao longo da Antiguidade Tardia: Liberalitas Iulia Ebora e Pax Iulia. Com o presente trabalho, o autor pretende definir a forma como o cristianismo se foi implantando neste espaço geográfico, estudando as alterações registadas numa zona de fronteira entre bispados, em ambiente rural. Para atingir o seu objectivo, procurará definir as formas de ocupação do espaço, localizando os povoados, as vias principais e secundárias que os ligavam e tentando detectar uillae que tenham permanecido ocupadas depois do fim da ocupação romana do território. Será feita uma tentativa de identificação de edifícios de culto cristão, bem como produções artísticas a eles associadas, sobretudo no que respeita à decoração arquitectónica e à sua iconografia. Através desta proposta de leitura, que associa metodologias de várias ciências que estudam o passado do Homem, apresenta-se uma síntese dos dados existentes, reanalisando-se todas as fontes e acrescentando-se novos testemunhos, com vista à confirmação o elaboração de novas propostas de análise no campo da História da Arte, enquanto se tentará também determinar quantas e quais foram as maiores fases de investimento na cristianização do campo pelo clero e onde e de que forma este se manteve depois da invasão islâmica, criando as comunidades moçárabes que irão ser “depósito cultural visigótico” nesta região. No fundo, será a tentativa de perceber melhor as Marcas Arquitectónicas e Artísticas da Cristianização do Território entre Évora e Beja, os seus contextos originais e a forma como chegaram aos nossos dias e nos foram transmitidas.
Description: Tese de Mestrado apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à conclusão do Curso de Mestrado em História da Arte, com Especialização em História da Arte da Antiguidade
URI: http://hdl.handle.net/10362/7773
Appears in Collections:FCSH: DHA - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Marcas Arquitectonico-Artisticas.pdf17.04 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
View Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Statistics  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE