DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (FCSH) >
FCSH Departamentos >
FCSH: Departamento de Ciências da Comunicação >
FCSH: DCC - Teses de Doutoramento >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/7346

Título: Condicionantes do dispositivo mediático na formatação de conteúdos multimédia: análise do dispositivo online do serviço público de televisão em Portugal e Espanha
Autor: Nunes, Ricardo Jorge Melo
Palavras-chave: Serviço Público
Televisão
Plataformas Digitais
Issue Date: Mar-2012
Editora: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Resumo: Afirma-se como objectivo central da investigação tentar compreender bloqueios, resistências, ameaças e impasses que poderão dificultar ou mesmo inviabilizar um desenvolvimento rápido dos media online em Portugal e em Espanha, no caso concreto, o Serviço Público da RTP – Rádio e Televisão de Portugal e da RTVE – Rádio Televisão Espanhola. Assim pretende-se encontrar quais as regularidades, os ciclos, os dispositivos, o sistema comum à informação (rádio, televisão) que configura o conjunto de condicionalismos que, em nosso entendimento, não têm permitido concretizar o recente paradigma digital, associado à informação. Partimos do pressuposto de que as práticas de quem produz informação e os hábitos de quem a consome estão ainda formatados por um registo que tem mais de convencional do que digital, sendo por isso um obstáculo decisivo à produção de conteúdos online e à sua fruição completa pelo (s) público (s). Regista-se uma clara fronteira entre um sistema tradicional, associado a uma narratologia clássica (com princípio, meio e fim) e tradição oral e o sistema da modernidade assente no dispositivo digital caracterizado pela pulverização da narratividade em suportes, linguagens, escritas e instrumentos. Pretende-se, por isso, identificar o conjunto de variáveis que se constituem como um bloqueio a um desenvolvimento mais amigável dos conteúdos e das tecnologias digitais interactivas. Estima-se que, do ponto de vista de quem gere e produz informação nas redacções, possa existir um conjunto de questões ainda não completamente resolvidas e assumidas, e que funciona como bloqueio à implementação do recém-chegado modelo binário. Deste modo, entende-se que o trabalho realizado nos portais da RTP e RTVE não cumprem, em absoluto, as características do paradigma digital, ou seja o conjunto de potencialidades emergentes da Internet. A falta de cultura digital na estrutura organizacional da empresa audiovisual do Estado associada à falta de massa crítica a vários níveis: gestão, redactores, consumidores constituem alguns dos entraves que esta tese procura demonstrar através de sustentação bibliográfica e do trabalho empírico.
Descrição: Dissertação apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Doutor em Ciências da Comunicação
URI: http://hdl.handle.net/10362/7346
Appears in Collections:FCSH: DCC - Teses de Doutoramento

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Doutoramento_Ricardo Nunes_Novembro_2011.pdf8,18 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE