DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (FCSH) >
FCSH Departamentos >
FCSH: Departamento de Geografia e Planeamento Regional >
FCSH: DGPR - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/7243

Título: Utilização das imagens LISS III para a classificação do uso do solo aplicado ao cadastro geométrico da propriedade rústica
Autor: Monteiro, Giselda Maria Neto
Palavras-chave: Cadastro Geométrico da Propriedade Rústica
Imagens LISS III
Classificação de imagens de satélite
Corine Land Cover
Carta de ocupação do solo
Issue Date: Mar-2011
Editora: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Resumo: As questões relacionadas com o Ordenamento do Território são sempre de crucial importância para o desenvolvimento coerente e sustentável de um país. Sendo uma das medidas prioritárias do Programa Nacional da Politica de Ordenamento do Território (PNPOT), o desenvolvimento de um Sistema Nacional de Exploração e Gestão de Informação Cadastral torna-se necessário desenvolver mecanismos que promovam actualização do cadastro já existente, embora desactualizado. O Cadastro Geométrico da Propriedade Rústica (CGPR) aborda os prédios rústicos, que são compostos por terrenos de uso agrícola e florestal. É sobre este tipo de cadastro e ocupação de solo, que incide o presente relatório de estágio. O objectivo é informatizar, através da vectorização o cadastro existente, e desenvolver uma metodologia menos onerosa, em relação às deslocações de campo tendo a possibilidade de aproveitar os diferentes recursos como, as imagens de satélite e ortofotomapas, existentes no Instituto Geográfico Português (IGP), para actualização parcelar do CGPR. Como base de trabalho foram utilizadas imagens de satélite LISS III, Corine Land Cover (CLC), 2000 e 2006 e Carta de ocupação do solo (COS) 2007, para classificar a ocupação do solo. Foi utilizada a classificação assistida ao nível do pixel, através do classificador da Máxima Verosimilhança. Para comprovar a fiabilidade dos resultados foi efectuada uma validação estratificada com pontos aleatórios, onde foi possível construir uma Matriz de Confusão Normal (MCN) e uma Matriz de Confusão Probabilística (MCP).O mapa final será cruzado com a informação cadastral actualizada, (PRA’S), de forma a comprovar, ou não, se metodologia adoptada é adequada.
Descrição: Relatório de Estágio de Mestrado em Gestão do Território - Especialização em Detecção Remota e Sistemas de Informação Geográfica
URI: http://hdl.handle.net/10362/7243
Appears in Collections:FCSH: DGPR - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
relatorio_de_estágio.pdf18,7 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE