DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (FCSH) >
FCSH Departamentos >
FCSH: Departamento de Línguas, Culturas e Literaturas Modernas >
FCSH: DLCLM - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/7191

Título: As palavras do saber e do sabor: A gastronomia como objecto de descoberta no processo de ensino / aprendizagem do PLE e PL2
Autor: Ferreira, Maria de Lurdes Carvalho
Palavras-chave: Gastronomia
Interculturalidade
Multicultural multilinguismo
Plurilingue
Issue Date: Jul-2011
Editora: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Resumo: Ao adquirir competências numa língua estrangeira, o aprendente acede à matriz cultural dos seus falantes. A gastronomia, enquanto saber e saber-fazer, constitui um dos traços identitários mais relevantes, uma vez que, respeitando variedades e especificidades, é sentida como um património comum. A gastronomia cruza vertentes diversas, da função nutritiva ao valor sociocultural, as quais, por sua vez, permitem focalizações diferentes. No presente trabalho, dos aspectos abordados, destaca-se o património cultural, considerado em duas perspectivas: enquanto recurso turístico e como conteúdo sociolinguístico de Português Língua Estrangeira (PLE) ou Português Língua Segunda (PL2). Nas últimas décadas, devido aos fluxos migratórios, o tecido social português transformou-se, convertendo-se, especialmente nas zonas urbanas, em sociedades multilingues e multiculturais. Em consequência, o sistema de ensino confrontou-se com um número significativo de alunos estrangeiros, de diversas nacionalidades, sem competências comunicativas em português. Para responder à nova realidade, o Ministério da Educação implementou o ensino da língua portuguesa à população escolar estrangeira a frequentar o ensino básico e o secundário: o Português Língua Não Materna (PLNM). Menos afortunado, o ensino / aprendizagem do Português direccionado a um público-alvo estrangeiro adulto, assim como a divulgação e projecção da língua portuguesa, carece de mais investimento e concertação institucional, de modo a aproximar-se da posição, da “visibilidade”, internacional de que usufruem lìnguas como o Espanhol ou o Inglês. Finalmente, e dirigido a esse público-alvo, apresenta-se a génese de um projecto visando aliar a aquisição da competência comunicativa em português à competência “gustativa” na gastronomia portuguesa. Ao seleccionar e mobilizar os recursos linguísticos para pedir um café, comentar uma especialidade gastronómica ou partilhar uma receita tradicional da sua região, o aprendente e utilizador da língua vai além da mera interacção com o outro: revela uma atitude de abertura, numa cidadania intercultural.
Descrição: Dissertação apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Ensino do Português como Língua Segunda e Estrangeira
URI: http://hdl.handle.net/10362/7191
Appears in Collections:FCSH: DLCLM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dis. Mest. PLE.pdf729,71 kBAdobe PDFView/Open
Apêndice + anexos.pdf10,64 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Feedback
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia