Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/7123
Title: Os jogos como facilitadores da aprendizagem da leitura e da escrita de crianças de 4 e 5 anos numa creche portuguesa e numa escola brasileira
Authors: Barbosa, Keila Coelho
Orientador: Silva, Maria do Carmo Vieira da
Keywords: Criança
Creche/escola
Jogo
Leitura e escrita
Issue Date: Sep-2011
Publisher: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Abstract: Este estudo teve como principal objectivo verificar em que medida o jogo pode influenciar o desenvolvimento das crianças, bem como o seu nível de aprendizagem, na medida em que poderá facilitar ou não o processo de ensino-aprendizagem, nomeadamente no que diz respeito à aquisição de conhecimentos. Pretendeu-se igualmente analisar se a forma como a educadora comunica e interage com as crianças influencia, de algum modo, o desenvolvimento das mesmas. Para tal, foram analisadas duas realidades culturais diferentes, nomeadamente a forma de aplicação do jogo numa Creche portuguesa e numa Escola brasileira, de modo a proceder à comparação e compreensão das principais semelhanças e diferenças entre a relevância dos jogos para as docentes no desenvolvimento das crianças. Em Portugal, o estudo decorreu numa creche localizada em Sacavém, numa turma sob a direcção de uma educadora de infância de 37 anos de idade, numa sala de 24 alunos, sendo que 11 do sexo feminino e 13 do sexo masculino. Na escola brasileira a amostra é constituída por uma turma de uma escola da cidade de Imperatriz do Estado do Maranhão, sob a direcção de uma professora de 28 anos de idade, composta por 16 alunos, sendo que 9 eram do sexo masculino e 7 do sexo feminino. Em ambos os casos os alunos apresentaram idades compreendidas entre os 4 e os 5 anos. No que respeita à metodologia utilizada, desenvolveu-se uma entrevista semiestruturada, que foi aplicada às docentes da Creche portuguesa e da Escola brasileira, e procedeu-se à observação não-participada da relação estabelecida entre as educadoras e os alunos de cada uma das duas salas/turmas, em diferentes momentos ao longo do dia, verificando-se, assim, as suas rotinas. Relativamente à análise dos resultados, os dados obtidos nas entrevistas, permitiram constatar que as professoras utilizam frequentemente os jogos como forma de motivar os alunos e facilitar a aquisição de competências. Verificou-se ainda através do registo das observações dos alunos em sala de aula, que as crianças gostavam de realizar actividades baseadas em jogos e esse facto repercutiu-se na sua aprendizagem e muito concretamente na leitura e na escrita.
Description: Dissertação apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Ciências da Educação, da área de especialização: Análise e Intervenção em Educação
URI: http://hdl.handle.net/10362/7123
Appears in Collections:FCSH: DCE - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
impresao tese.pdf6,06 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.