DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT) >
FCT Departamentos >
FCT: Departamento de Ciências da Vida >
FCT: DCV - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/7090

Title: Matrizes de policaprolactona e quitosano para aplicação em engenharia de tecidos
Authors: Tavares, Valdir Alexandre Câncio David Braga
Advisor: Ferreira, José
Silva, Jorge
Henriques, Célia
Borges, João
Keywords: Regeneração de tecidos
Matrizes biodegradáveis e biocompatíveis
Policaprolactona e quitosano
Electrofiação
Issue Date: Sep-2011
Publisher: FCT-UNL
Abstract: A engenharia de tecidos dedica-se ao desenvolvimento de estruturas biocompatíveis e biodegradáveis que substituem tecidos humanos de forma temporária e que suportem a regeneração celular necessária à reconstrução natural do tecido. As membranas de biopolímeros têm-se revelado promissoras na produção de substitutos de pele humana, dado haver a possibilidade de controlo da sua composição e consequentemente das suas características de biocompatibilidade, biodegradação e de apetência para se constituírem como base para a adesão e proliferação celular. Este trabalho visou a produção de membranas de policaprolactona (PCL) e quitosano (CS) e avaliar a proliferação celular nestas membranas. O PCL é um polímero sintético elástico e o CS é um polímero natural que favorece a adesão celular. A combinação destes dois polímeros permite obter membranas que possuem simultaneamente estas características. A produção das membranas de PCL e CS foi realizada através da incorporação do CS em pó nas membranas de PCL obtidas por electrofiação (electrospinning). Neste processo, a acumulação aleatória das fibras sobre um colector permite obter uma estrutura tridimensional muito semelhante à da matriz extracelular natural dos tecidos humanos. Foram efectuadas experiências que permitiram aferir as condições adequadas para a produção das fibras de PCL por electrofiação. Foram produzidas membranas com CS de diferente granulometria e com várias proporções entre o PCL e o CS que foram sujeitas a testes mecânicos, determinação do ângulo de contacto e porosidade com vista à caracterização das suas propriedades físico-químicas. Os testes de cultura celular revelaram alguma dificuldade na adesão das células às matrizes. Para promover uma maior adesão e proliferação celular há que optimizar o método de incorporação de CS, aumentando a sua densidade na superfície das membranas ou tratando a superfície de modo a torná-las hidrofílicas. O trabalho realizado durante esta dissertação constitui mais um contributo para o desenvolvimento de substitutos de pele humana.
Description: Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Engenharia Biomédica
URI: http://hdl.handle.net/10362/7090
Appears in Collections:FCT: DCV - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Tavares-2011.pdf3.77 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
View Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Statistics  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE