DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT) >
FCT Departamentos >
FCT: Departamento de Química >
FCT: DQ - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/6623

Título: Desenvolvimento de membranas para aplicação em células de combustível a alta temperatura
Autor: Martins, Carla Maria Figueiredo
Orientador: Neves, Luísa
Coelhoso, Isabel
Crespo, João
Palavras-chave: Células de combustível
Nafion®
Líquidos iónicos
Permeabilidade ao metanol
Resistência mecânica
H-NMR
Issue Date: 2011
Editora: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Resumo: O trabalho desenvolvido nesta tese teve como objectivo o desenvolvimento de novas membranas para aplicação em células de combustível a alta temperatura. Foram testadas membranas de Nafion® na sua forma protonada com dois tipos de espessura diferentes, Nafion® - 117 e Nafion® - 212 com 183 μm e 51 μm de espessura, respectivamente. As membranas de Nafion® mencionadas anteriormente foram modificadas através da incorporação de catiões de líquidos iónicos (n-dodeciltrimetilamónia, DTA+; 1-butil-3-metilimidazólio, BMIM+; feniltrimetilamónia, TMPA+). Com o objectivo de verificar qual o efeito da presença do catião do líquido iónico, as membranas de Nafion® modificadas foram caracterizadas utilizando as seguintes técnicas: ensaios de propriedades mecânicas (extensão e perfuração), termogravimetria e H – NMR (Relaxação spin-rede do protão de hidrogénio). Adicionalmente, uma vez que este estudo visa a aplicação das membranas em células de combustível, foram também efectuados estudos de transporte de metanol, e de gases (N2, O2 e CO2) puros e humidificados. Comparando todos os resultados obtidos com os de uma membrana não modificada, verificou-se que é possível ajustar as propriedades das membranas consoante o catião incorporado e o seu grau de incorporação. A introdução de catiões volumosos de líquidos iónicos, altera o teor em água na membrana e o seu grau de estruturação, melhorando a estabilidade das mesmas a altas temperaturas (150ºC), reduzindo o transporte de metanol e de gases e aumentando a resistência mecânica das membranas. Deste modo, para utilização de membranas modificadas de Nafion® com catiões de líquidos iónicos para aplicação em células de combustível a altas temperaturas, um compromisso entre as diferentes propriedades terá de ser encontrado; tendo em conta por um lado, a redução da mobilidade protónica, e por outro uma maior estabilidade a altas temperaturas e a redução da permeabilidade ao metanol e gases.
Descrição: Dissertação para obtenção do grau de Mestre em Engenharia Química e Bioquímica
URI: http://hdl.handle.net/10362/6623
Appears in Collections:FCT: DQ - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Martins_2011.pdf2,23 MBAdobe PDFView/Open

Please give feedback about this item
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Feedback
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia