DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT) >
FCT Departamentos >
FCT: Departamento de Química >
FCT: DQ - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/6315

Título: Produção de SCO (Single Cell Oil) para biodiesel a partir da microalga Chlorella protothecoides em diversos bioreactores com troca simbiótica de correntes gasosas
Autor: Caldeira, Maria Leonor Duarte
Orientador: Reis, Alberto
Palavras-chave: Chlorella protothecoides
Biodiesel
Simbiose
Fermentação
Fotobioreactores (FBR)
Citómetria de fluxo
Issue Date: 2011
Editora: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Resumo: A associação de dois bioreactores, um fotoautotrófico e um heterotrófico, ligados entre si através das suas correntes gasosas de entrada e saída com troca de gases, nomeadamente CO2 e O2, pode gerar um benefício em ambas as culturas. A corrente gasosa de saída do fotobioreactor, rica em O2, é usada como corrente de entrada no biorector heterotrófico, fermentador, e em paralelo, a corrente de saída do fermentador, rica em CO2 é usada como corrente de entrada no fotobioreactor, proporcionando um melhor crescimento de biomassa e uma melhor produtividade em biomassa e lípidos para posterior transformação em biodiesel. A microalga Chlorella protothecoides e a levedura Rhodotorula glutinis foram escolhidas como microrganismos modelo uma vez que, aliadas à sua robustez, apresentam elevadas produtividades de biomassa e lípidos em regime autotrófico (microalga) e heterotrófico (microalga e levedura). Neste trabalho foram realizados estudos de optimização sobre o crescimento heterotrófico da microalga em meio simples com diferentes fontes de carbono, no qual a glucose apresentou a mais elevada taxa de crescimento (μ), 0,037 h-1, e a melhor produtividade em biomassa (PXmax), 1,55 g/l.d. A simbiose entre Chlorella protothecoides autotrófica e a levedura heterotrófica Rhodotorula glutinis, revelaram resultados bastante promissores no sentido de fornecimento de ar rico em CO2 ao fotobioreactor, proveniente da fermentação da levedura, aumentando a taxa de crescimento da alga autotrófica 30%, o que leva a um aumento da produtividade em biomassa em 100%, e consequentemente a um aumento na produtividade em lípidos. Este resultado é de interesse biotecnológico e passível de levar a futuros estudos de ampliação de escala com possibilidade de diminuição dos custos de produção de biomassa e seus produtos sem a necessidade de investimentos adicionais.
Descrição: Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Biotecnologia
URI: http://hdl.handle.net/10362/6315
Appears in Collections:FCT: DQ - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Caldeira_2011.pdf1,29 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Feedback
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia