DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT) >
FCT Departamentos >
FCT: Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente >
FCT: DCEA - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/6186

Título: Avaliação das emissões de dióxido de carbono numa refinaria: o caso de estudo da refinaria de Sines
Autor: Vieira, Ricardo Jorge Martins
Orientador: Ferreira, Francisco
Palavras-chave: Alterações climáticas
Gases de efeito de estufa
Dióxido de carbono
Responsabilidade social empresarial
Refinaria
Inventário de emissões
Issue Date: 2011
Editora: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Resumo: As alterações climáticas representam um dos maiores desafios actuais à escala global e são uma grave ameaça ao desenvolvimento sustentável, provocando uma variedade de impactes nefastos na sociedade e na economia. O aumento da população mundial e a contínua ambição pelo crescimento económico das sociedades actuais ancorados a uma utilização de energia baseada maioritariamente em combustíveis fósseis, e consequentes emissões de gases com efeito de estufa (GEE),encaminham a civilização actual para um futuro problemático. Este estudo pretende dar um contributo no âmbito da redução das emissões de dióxido de carbono (CO2), o principal gás de efeito de estufa em termos quantitativos à escala mundial,dando particular atenção ao papel que as empresas podem desenvolver nesse contexto. O desafio consiste em direccionar a intervenção do sector privado para actividades e processos que potenciem o combate às alterações climáticas, evitando aqueles que, pelo contrário, as agravem. Para além das exigências legais a que as empresas estão sujeitas, existem ainda diversas medidas e iniciativas de ordem voluntária que podem ser implementadas de forma a contribuir positivamente para mitigar este problema. O principal objectivo do presente trabalho consiste na quantificação e avaliação das emissões totais de CO2 da Refinaria de Sines. O presente trabalho decorre de um estágio com a duração de seis meses no Departamento de Ambiente da referida unidade industrial. Mais especificamente, este objectivo foi prosseguido através da inventariação das emissões directas e indirectas associadas à actividade da refinaria. A análise dos resultados obtidos permitiu estimar uma emissão de 2,5 milhões de toneladas de CO2 em 2007. Apesar de se tratarem de realidades diferentes, este resultado é superior em cerca de 21% (aproximadamente 448 000 tCO2) face às emissões reportadas pela Refinaria incluídas no mecanismo de comércio europeu de licenças de emissão, no período 2005-2007. Adicionalmente, foi proposto um conjunto de medidas de melhoria para redução das emissões dos diversos sistemas, apresentando-se como exemplo a forma de deslocação dos colaboradores, para a qual foram desenvolvidos cenários alternativos. Dessa análise sugere-se a utilização exclusiva do transporte colectivo pelos colaboradores, o que resultaria numa redução das emissões anuais em 150 toneladas de CO2 face à situação actual.
Descrição: Dissertação apresentada na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para a obtenção do grau de Mestre em Engenharia do Ambiente, perfil Gestão de Sistemas Ambientais
URI: http://hdl.handle.net/10362/6186
Appears in Collections:FCT: DCEA - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Vieira_2011.pdf2,08 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE