DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (FCSH) >
FCSH Departamentos >
FCSH: Departamento de Sociologia >
FCSH: DS - Teses de Doutoramento >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/5929

Title: Dinâmicas sociais e ambiente: actores, recursos e território. Um contributo para a análise integrada das interacções sociedade-ambiente
Authors: Jorge, Maria do Rosário Gonçalves
Advisor: Lourenço, Nelson
Keywords: Desenvolvimento sustentável
Ambiente
Território
Turismo
Àreas costeiras
Metodologia de análise integrada
Issue Date: Jan-2011
Publisher: Universidade Nova de Lisboa, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas
Abstract: O objectivo principal desta dissertação consiste em compreender as interacções entre sistemas sociais e naturais, analisando de que forma as dimensões demográficas, económicas, tecnológicas, sociais, institucionais, políticas e culturais afectam os ecossistemas e os recursos naturais. Nesse sentido, foi construída uma metodologia capaz de equacionar os problemas e as prioridades das dimensões do desenvolvimento sustentável e apoiar os processos de tomada de decisão para a gestão das áreas costeiras. Pretende-se igualmente que o instrumento metodológico criado seja empiricamente testado em outros estudos e realidades. O objecto de estudo centrou-se no Estado Indiano de Goa e, em particular, numa área de situada em North Goa, onde foi possível aplicar os princípios teóricos e metodológicos que permitem realizar uma análise sistémica das interacções sociedade e ambiente ao longo de duas décadas. Goa é uma região que combina características históricas, resultantes da ocupação portuguesa ao longo de vários séculos, com um crescimento económico acelerado, na sequência das políticas seguidas a partir de 1991, e onde o turismo nas áreas costeiras teve uma particular importância. No trabalho de campo foi possível identificar três tipos de turismo: de sol e praia de rendimento elevado, localizado no litoral e procurado por estrangeiros em estâncias com preços elevados; de sol e praia de rendimento médio e baixo, frequentado por estrangeiros de baixos rendimentos; e outro, que atrai sobretudo Indianos de baixo e médio rendimento, localizado nas principais áreas urbanas costeiras e algumas zonas do interior. Este padrão de turismo dominante na região conduziu à exploração excessiva de solos e dos recursos naturais nas áreas costeiras. Partindo dos resultados dos impactes do padrão de turismo existente, construiu-se uma proposta alternativa de desenvolvimento sustentável do turismo em Goa, que articula diferentes estratégias: o ecoturismo, o turismo de património e cultural, o turismo aventura, o turismo rural e três tipos de turismo de sol e praia, o de preço elevado, o de preço médio e o de baixo preço (requalificado). As estratégias de desenvolvimento sustentável propostas consideraram, por um lado, as características biofísicas do território e as formas de povoamento que estruturam e organizam o espaço e, por outro lado, dimensões económicas e socioculturais, como as características e actividades dos agregados, a relação com a agricultura e a pesca, a utilização dos recursos naturais, a propriedade da terra, o valor material e simbólico dos solos, que ultrapassa o seu mero valor de uso, e a participação dos actores locais.
Description: Dissertação de Doutoramento em Sociologia
URI: http://hdl.handle.net/10362/5929
Appears in Collections:FCSH: DS - Teses de Doutoramento

Files in This Item:

File Description SizeFormat
A-Dissertação_Completa_Final.pdftese12.05 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
View Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Statistics  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE