DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT) >
FCT Departamentos >
FCT: Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente >
FCT: DCEA - Teses de Doutoramento >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/5877

Título: Interpreting change in human-nature and long term social relationships
Autor: Gonzalez, Carla Sofia Dávila Soares
Orientador: Santos, Rui
Branquinho, Cristina
Palavras-chave: Co-evolution
Local Knowledge
Ecological Indicators
Interdisciplinary
Transdisciplinary
Social-Ecological Systems
Natural Resource Management
Portugal
Issue Date: 2010
Editora: FCT - UNL
Resumo: A conservação da biodiversidade, o desenvolvimento e a ciência modernos tiveram um impacto profundo nos sistemas humanos e naturais acoplados e na sua gestão. Os desafios que hoje se colocam a este nível em regiões moldadas no longo prazo pela presença humana, como é o caso do Mediterrâneo, são exemplo evidente das limitações criadas pela dicotomização entre economia e ecologia, humanos e natureza, conhecimento leigo e científico, práticas institucionais formais e locais informais e perspectivas tecnocráticas ou sociais; resultantes daquelas tendências. O presente trabalho foi ancorado num tema de estudo que evidencia tais tensões: o processo de implementação da Rede Natura 2000, que se dedica à conservação da biodiversidade na Europa e ao mesmo tempo prioriza a consideração de características rurais culturais e socioeconómicas. Neste contexto, desenvolveu-se um estudo de caso sobre as Ribeiras Mediterrânicas de Monfurado (RMM), que vão de encontro a esta descrição. Foram articuladas diferentes tradições científicas e tipos de conhecimento de modo a testar a hipótese de que desta forma seria possível: i) compreender os agregados humano-natureza existentes nas RMM e contribuir para a sua gestão; ii) compreender as relações sociais no longo prazo, especificamente a nível da conexão entre diferentes grupos de actores sociais ligados às RMM, caracterizando o seu diálogo. Desta forma, foi proposto e aplicado um enquadramento transdisciplinar orientado para a prática e inspirado nos pensamentos coevolutivo e de investigação-acção utópica crítica. Para analisar as RMM, foram combinadas metodologias das ciências naturais e sociais, que variam desde biomonitorização à aplicação de um índice de integridade biótica, à análise interpretativa de entrevistas e à revisão histórica. A caracterização das ribeiras e da relação humano-natureza nelas existente contribuiu ao nível da gestão e da compreensão dos sistemas sócio-ecológicos das RMM. A importância da herança histórica de características sociais no longo prazo (como se mostrou ser o caso da desigualdade social) e de episódios históricos políticos específicos para as relações sociais actuais, e consequentemente para os programas de conservação, foi ainda assinalada. Os resultados também permitiram explorar e fundar perspectivas de melhoria futura do diálogo entre grupos sociais e da gestão de recursos naturais, adoptando-se uma postura de abertura perante a mudança sócio-ecológica e considerando-se o caso de estudo ‘inacabado’. Os resultados obtidos permitiram verificar ainda a possibilidade de reduzir as fronteiras entre sectores disciplinares, tipos de conhecimento e na conceptualização da divisão ontológica humano-natureza; cuja combinação, como se ilustra, pode contribuir para a gestão de recursos naturais e, mais importante, pode potenciar conhecimento e experiências acumuladas. Finalmente, colocou-se o caso de estudo nos contextos global e de longo prazo, ampliando o significado das relações humano-natureza e sociais tratadas; e gerando uma discussão sobre paradigmas de desenvolvimento e sistema mundial, sobre mudança e sua relação com utopia e experiências biográficas, sobre o potencial coevolutivo, sobre os significados de natureza e sobre a significância da capacidade humana de aspirar, pensar e agir.
Descrição: Dissertação apresentada para obtenção do Grau de Doutor em Ciências do Ambiente, pela Universidade Nova de Lisboa, Faculdade de Ciências e Tecnologia.
URI: http://hdl.handle.net/10362/5877
Appears in Collections:FCT: DCEA - Teses de Doutoramento

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Gonzalez_2010.pdf1,62 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE