DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT) >
FCT Departamentos >
FCT: Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente >
FCT: DCEA - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/5824

Title: Caracterização de resíduos plásticos na Costa Portuguesa – será um microproblema?
Authors: Martins, Joana Veiga Ferreira
Advisor: Sobral, Maria Paula
Keywords: Plásticos
Poluição marinha
Praias
Amostragem
POP
Pellet
Issue Date: 2011
Publisher: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Abstract: A poluição marinha por resíduos plásticos constitui um enorme desafio à integridade dos oceanos, a uma escala global. A elevada persistência do material plástico, bem como as medíocres estratégias de gestão do ciclo de vida e consequente elevado volume de resíduos descartados que entra nas massas de água, promove a acumulação ao longo dos rios, mares e oceanos e linhas de costa. A monitorização realizada em praias e oceanos e a análise do plástico recolhido demonstram evidências preocupantes: efeitos físicos e ecotoxicológicos na fauna marinha, resultantes da ingestão de plásticos devido à adsorção de poluentes orgânicos persistentes (POP) e outros compostos químicos, transporte de espécies invasoras e outros impactes económicos e sociais. A costa portuguesa é vulnerável à acumulação de resíduos plásticos no mar e nas praias. Por conseguinte o presente estudo teve como objectivos: realizar um programa de amostragem e trabalho laboratorial para identificar as principais categorias de plástico acumuladas (micro a macro-dimensões) em praias específicas, determinar concentrações de POP em pellet e avaliar o estado da costa. Amostras de sedimento e plástico foram recolhidas em 10 praias (2 cm superficiais de sedimento), de acordo com 3 técnicas: 1) quadrados 0,5x0,5 m e 2) quadrados 2x2 m, para avaliar as categorias de plástico, isto é, tipos e dimensão do plástico através do número de itens (n) e peso (g) (incluindo partículas <5 mm e >20 μm em diâmetro) e 3) transectos de 2 m entre as linhas de baixa e preia-mar para avaliar o estado da costa, com recurso ao índice Clean Coast Index (apenas partículas >5 mm em diâmetro). Alguns microplásticos foram seleccionados para identificação dos polímeros constituintes pela técnica de Espectroscopia de Infravermelhos por Transformada de Fourier (micro-FTIR), cujas respostas espectrais das amostras foram posteriormente comparadas com a base de dados do Programa Thermo Nicolet® OMNIC FTIR para identificação dos polímeros. Para analisar as concentrações de POP os pellet foram separados em três grupos – pellet brancos, envelhecidos e coloridos. As concentrações de PAH, PCB e DDT foram determinadas através de Cromatografia Gasosa Acoplada a Espectrometria de Massa (GC-MS).
Description: Dissertação apresentada na Faculdade de Ciências e Tecnologia para a obtenção do grau de Mestre em Engenharia do Ambiente, Perfil Engenharia Ecológica
URI: http://hdl.handle.net/10362/5824
Appears in Collections:FCT: DCEA - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Martins_2011.pdf5.09 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
View Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Statistics  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE