DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT) >
FCT Departamentos >
FCT: Departamento de Engenharia Mecânica e Industrial >
FCT: DEMI - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/3610

Title: Insuflação e extracção de ar em parques de estacionamento subterrâneo
Authors: Henriques, Bruno Miguel da Silva
Advisor: Didier, Eric
Keywords: Parque de estacionamento subterrâneo
Ventilador axial
Ventilador de impulso
Swirl
Incêndio
Confinação
Issue Date: 2009
Publisher: FCT - UNL
Abstract: A construção de parques de estacionamento subterrâneos surge com o intuito de facilitar o estacionamento. No entanto, devido ao confinamento do espaço de estacionamento, é necessário, na maioria dos casos, instalar um sistema de ventilação forçada. O presente trabalho tem como objectivo analisar, recorrendo à simulação numérica, a ventilação forçada no piso de um parque de estacionamento subterrâneo por meio de ventiladores axiais (insuflação/extracção de ar) em conjunto com ventiladores de impulso colocados no tecto. No âmbito deste trabalho foi analisado, e, posteriormente, calibrado o escoamento induzido por um ventilador de impulso numérico. O jacto produzido pelo ventilador de impulso é composto por uma componente de velocidade axial e de uma componente tangencial (swirl). Esta componente tangencial é determinada no presente trabalho, com o auxílio de dados experimentais e a comparação com estes dados. Posteriormente, analisou-se os escoamentos induzidos por um conjunto de ventiladores de impulso e a sensibilidade dos resultados numéricos em função de vários parâmetros, tais como a dimensão da fonte de calor, o pé direito, etc. Com os resultados obtidos é modelada a ocorrência de um incêndio num piso de um parque de estacionamento real, verificando-se, para diversas configurações do sistema de ventilação, a eficiência do sistema na evacuação dos gases quentes libertados pelo incêndio. A avaliação é realizada através da análise da temperatura no piso do parque, que permite ter uma estimativa do confinamento dos gases quentes libertados pelo incêndio. Foi também estudada a evolução temporal do incêndio. O confinamento dos gases quentes é analisado comparando os resultados da modelação numérica estacionária e transitória.
Description: Dissertação apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para obtenção do grau de Mestre em Engenharia Mecânica
URI: http://hdl.handle.net/10362/3610
Appears in Collections:FCT: DEMI - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Henriques_2010.pdf2.96 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
View Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Statistics  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE