DSpace UNL

RUN >
Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação (ISEGI) >
ISEGI - Dissertações de Mestrado em Estatística e Gestão da Informação >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/2728

Título: Evolução sócio demográfica do Barreiro nos últimos trinta anos do século XX
Autor: Moreira, Carlos Alberto Fernandes
Orientador: Rodrigues, Teresa
Palavras-chave: Barreiro
Demografia
Issue Date: 17-Apr-2008
Relatório da Série N.º: Mestrado em Estatística e Gestão de Informação;TEGI0215
Resumo: Este trabalho tem como tema a evolução sócio demográfica do Concelho do Barreiro nos últimos 30 anos, período compreendido entre os censos de 1971 e 2001, bem como as repercussões que teve nas opções tomadas, nomeadamente na capitação prevista no Plano Director Municipal do Barreiro. O período de trinta anos tenta reflectir as mudanças ocorridas na sociedade portuguesa com a Revolução de Abril de 1974, o processo de nacionalizações de grandes empresas, o desaparecimento de grandes empresas nacionalizadas dos anos oitenta e noventa; factos que condicionaram a variabilidade e distribuição da população Barreirense, a sua actividade e dinâmica no território Concelhio. O Barreiro tem cerca de setenta e nove mil habitantes, tendo perdido cerca de seis mil habitantes entre os censos de 1991 e 2001, tendo também tido uma diminuição de cerca de dois mil e quinhentos habitantes entre os censos de 1981 e 1991. No entanto, o Plano Director Municipal do Barreiro, aprovado em 1994, foi concebido para uma capacidade limite de crescimento que poderá ir até duzentos e dez mil habitantes. O crescimento da população conduziu à urbanização de zonas rurais, longe do centro da cidade, implicando uma maior necessidade da criação de infra-estruturas. Se o Plano Director Municipal do Barreiro tivesse previsto um crescimento programado, as áreas disponíveis para urbanizar seriam menores e eventualmente junto ao núcleo urbano consolidado, permitindo o crescimento de coroas em torno desse mesmo núcleo e possivelmente uma revitalização e requalificação das áreas urbanas mais antigas.(...)
Descrição: Dissertação apresentada como requisito parcial para obtenção do grau de Mestre em Estatística e Gestão de Informação
URI: http://hdl.handle.net/10362/2728
Appears in Collections:ISEGI - Dissertações de Mestrado em Estatística e Gestão da Informação

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TEGI0215.pdf1,51 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE