DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT) >
FCT Departamentos >
FCT: Departamento de Física >
FCT: DF - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/2510

Title: Porta substratos para um sistema de pulverização catódica. Aplicação na obtenção de TiO2.
Authors: Veiga, Sandro Miguel Ferreira
Advisor: Nunes, Yuri
Venceslau, Susana
Issue Date: 2009
Publisher: FCT - UNL
Abstract: Para a implementação da possibilidade de obtenção dos filmes de TiO2 por descarga de magnetrão, em diferentes fases cristalinas e para diferentes aplicações, foi necessário a construção de um porta substratos para um sistema de pulverização catódica, que permitisse um controlo de temperatura até os 750 ºC, e a polarização do mesmo. O presente trabalho teve como objectivos principais, o desenho e construção de um porta substratos, a concepção de um software que controle e monitorize os parâmetros relevantes do processo de crescimento do filme, além de controlar a temperatura do porta substratos e a tensão de polarização. Esta tese pretende descrever como foram executadas as tarefas propostas, e ultrapassados os condicionalismos experimentais inerentes aos trabalhos deste género. Pretende-se igualmente apresentar e explicar os softwares desenvolvidos, que representam grande parte do trabalho executado. Esta tese encontra-se dividida em cinco capítulos. No primeiro capítulo é feita uma introdução a Física de Plasmas e das descargas luminescentes anómalas, necessária para o entendimento da pulverização catódica, técnica utilizada para a obtenção dos filmes finos neste trabalho. Na Física dos Plasmas, dá-se ênfase aos processos que determinam as características dos filmes e seu modo de obtenção. Termina-se fazendo uma pequena abordagem aos filmes finos e filmes de TiO2. No segundo capítulo descreve-se o sistema SIDEBI (Sistema de deposição de películas Binárias), sistema utilizado para fazer o trabalho experimental. Descrevem-se os equipamentos que são determinantes para medir os parâmetros que se quer controlar e monitorizar: como a pressão, a taxa de deposição e a espessura do filme. Neste capítulo também abordam-se os softwares desenvolvidos para controlar e monitorizar: a fonte de alimentação da descarga, a unidade de medida da taxa de deposição e os medidores de pressão do sistema.No terceiro capítulo focam-se as características do porta substratos construído, descrevendo e apresentando sua construção. Neste mesmo capítulo é apresentado o software desenvolvido para controlar e monitorizar a sua temperatura e também o software concebido para controlar a fonte que irá polarizá-lo. No quarto capítulo apresenta-se e explica-se o software final, onde estão integradas todas as rotinas desenvolvidas para controlar e monitorizar cada um dos parâmetros de forma individual. Finaliza-se com a apresentação dos resultados experimentais, resultado do teste de calibração do porta substratos e resultado da experiência de produção de filmes com estrutura cristalina. No quinto capítulo são apresentadas conclusões.
Description: Dissertação apresentada na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para obtenção do Grau de Mestre em Engenharia Física
URI: http://hdl.handle.net/10362/2510
Appears in Collections:FCT: DF - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Veiga_2009.pdf15.52 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
View Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Statistics  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE