DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT) >
FCT Departamentos >
FCT: Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente >
FCT: DCEA - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/2456

Título: Sustentabilidade ambiental no sector bancário
Autor: Ramos, Carlos de Llera
Orientador: Antunes, Maria
Palavras-chave: Sustentabilidade ambiental
Entidade bancária
Relatório de sustentabilidade
Princípios do Equador
Issue Date: 2009
Editora: FCT - UNL
Resumo: As preocupações ambientais aumentaram de forma exponencial nas últimas décadas. O papel das organizações no âmbito do desenvolvimento sustentável surge a partir do conceito de Responsabilidade Social das Empresas. As instituições financeiras, e o sector bancário em particular, são entidades singulares na promoção do desenvolvimento sustentável devido à influência que exercem sobre a sociedade como intermediários de capital. A presente dissertação visa analisar a integração da sustentabilidade ambiental no core business das entidades bancárias avaliando, entre outras questões, quais as indicações que estão a ser seguidas pelas principais entidades financeiras em matéria de sustentabilidade, que actividades são realizadas no que diz respeito à adopção, integração e comunicação de práticas que contribuem para a sustentabilidade, que riscos e oportunidades enfrenta o sector bancário no caminho do desenvolvimento sustentável, conhecer as tendências expectáveis para o sector neste domínio, e quais os pontos fortes e fracos da sustentabilidade ambiental no sector da banca. A metodologia geral adoptada consistiu na realização dum exercício de benchmarking das práticas de sustentabilidade a um conjunto de 15 instituições bancárias, nacionais e internacionais, avaliando os seus produtos, serviços e processos de trabalho com a finalidade de comparar desempenhos e identificar oportunidades de melhoria nas organizações. Na análise efectuada concluiu-se que o sector bancário internacional encontra-se, de forma geral, mais evoluído que o sector bancário português em matéria de sustentabilidade ambiental. No que diz respeito às entidades, destaca-se o Triodos Bank holandês, evidenciando-se em muitas questões de sustentabilidade e no desempenho ambiental.
Descrição: Dissertação apresentada na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para a obtenção do grau de Mestre em Engenharia do Ambiente,perfil Gestão e Sistemas Ambientais
URI: http://hdl.handle.net/10362/2456
Appears in Collections:FCT: DCEA - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Ramos_2009.pdf2,22 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE