DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT) >
FCT Departamentos >
FCT: Departamento de Conservação e Restauro >
FCT: DCR - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/2162

Title: A cor dos tapetes : análise de materiais de tapetes persas dos séculos XVI e XVII
Authors: Heitor, Maria Vidal Valsassina
Advisor: Melo, Maria João
Sousa, Micaela
Oliveira, Maria da Conceição
Issue Date: 2007
Publisher: FCT - UNL
Abstract: No âmbito da exposição “O Tapete Oriental em Portugal”, foram analisados os materiais de um conjunto de 9 tapetes indo-persas dos séculos XVI e XVII dos Museus Nacionais de Arte Antiga (MNAA) e Machado de Castro (MNMC). A identificação de fibras foi feita com recurso a microscopia óptica, tendo-se identificado lã no pêlo de todos os tapetes à excepção do tapete ‘Kashan’ do MNMC que faz parte de um grupo de 16 tapetes todos executados em seda (grupo dos small silk Kashan). A análise dos corantes foi executada por Cromatografia Líquida de Alta Resolução com detecção por Vector de Diodos (HPLC-DAD) e, quando necessário, por Cromatografia Líquida de Alta Resolução com detecção por Espectrometria de Massa (HPLC-MS). Por HPLC-DAD foi testado o mais eficaz método suave de extracção do complexo corante-fibra, concluindo-se que é o que utiliza o ácido oxálico como agente quelante. Foi identificado o uso de goma-laca nas amostras vermelhas dos tapetes indo-persas e de cochinilha no tapete ‘Kashan’. Nas amostras azuis foi identificado índigo, não sendo suficiente para chegar à origem tintureira, mas confirmando a origem histórica dos tapetes. O amarelo dos tapetes indo-persas é à base de luteolina, o cromóforo amarelo mais estável, enquanto no tapete ‘Kashan’ foi identificado um padrão semelhante ao de vara-dourada (Solidago virgaurea). Nos tapetes indo-persas foi ainda identificada a presença de alizarina e do mesmo padrão de amarelo nas amostras de cor laranja. Foram ainda feitas algumas colaborações no catálogo e na montagem da exposição, nomeadamente análises técnicas de certas peças e fixação de fragmentos a tecidos de suporte que serão exibidos na exposição.
Description: Dissertação apresentada na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para obtenção do grau de Mestre em Conservação e Restauro
URI: http://hdl.handle.net/10362/2162
Appears in Collections:FCT: DCR - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Heitor_2007.pdf1.89 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
View Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Statistics  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE