DSpace UNL

RUN >
Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT) >
FCT Departamentos >
FCT: Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente >
FCT: DCEA - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10362/2034

Título: Análise do fluxo de pilhas e acumuladores usados nos resíduos sólidos urbanos
Autor: Santos, Joana Margarida Lalanda Martins dos
Orientador: Martinho, Maria da Graça Madeira
Issue Date: 2008
Editora: FCT - UNL
Resumo: A situação nacional actual das P&A usados no sector doméstico, apresenta algumas lacunas de informação relativamente ao balanço de massas deste fluxo. As quantidades comercializadas anualmente em Portugal, assim como as P&A usados que são recolhidos selectivamente pela Ecopilhas, desde Janeiro de 2004, são conhecidas. No entanto, desconhecem-se as quantidades de P&A presentes nos lares portugueses (i.e. em utilização nos diversos EEE, novas em stock ou usadas e armazenadas em casa), bem como as P&A que são depositados nos RSU indiferenciados. Na generalidade das situações os Sistemas de Gestão de Resíduos Urbanos (SMAUT) não quantificam e caracterizam esta componente dos resíduos sólidos urbanos (RSU), incluindo as P&A na componente“outros”. O conhecimento do fluxo de P&A usados é crucial para se poder aferir, por exemplo, se as metas estabelecidas pela Directiva 2006/66/CE, para a recolha selectiva e reciclagem são ou não realistas. Se, por exemplo, os consumidores armazenarem uma percentagem significativa de P&A em suas casas, este será o montante não disponível para a recolha selectiva. Deste modo, procurou-se com este trabalho de investigação fazer um levantamento sobre as características das P&A e a situação comunitária e nacional em matéria de gestão de P&A. Em termos práticos, o objectivo consistiu em estimar a quantidade, em número e em peso, de P&A que foram depositados nos RSU indiferenciados em 2007, assim como as suas características em termos de sistemas químicos e formatos. Procurou-se igualmente comparar e avaliar os resultados com os resultados obtidos de estudos semelhantes realizados em alguns países europeus. Para atingir estes objectivos, acompanharam-se 17 campanhas de caracterização física realizadas entre Março e Dezembro de 2007 aos RSU de 12 SMAUT. As P&A presentes nas amostras caracterizadas (cerca de 90 toneladas de RSU indiferenciados), quer soltas, quer incorporadas nos REEE, foram separadas para quantificação e caracterização por formato e sistema químico. Os resultados obtidos permitiram-nos algumas conclusões interessantes, nomeadamente: da quantidade total de P&A vendidos em 2007 (2.734.763 kg), os consumidores domésticos enviaram para reciclagem cerca de 17,5%, colocaram nos contentores ou sacos destinados aos RSU indiferenciados 38,1% das P&A usados (1.041.344 kg), estimando-se que tenham permanecido nos lares portugueses (dentro dos equipamentos, soltos usados ou novos por usar), cerca de 44,5% das P&A vendidos (1.215.694 kg). As P&A presentes em maior quantidade nos RSU indiferenciados são as pilhas primárias (cerca de 90,6% do total de P&A) e, dentro destas, predominam as pilhas alcalinas de manganês (57%) e as pilhas de zinco carbono (42%). Em relação ao formato, predominam as pilhas AA/LR6/R6 (39% do total de P&A encontradas), seguindo-se as D/LR20/R20 (32%). Estes resultados possibilitarão à entidade gestora deste fluxo, a Ecopilhas, ter um referencial da situação em 2007. Estudos semelhantes, a realizar a curto e médio prazo, permitirão avaliar o impacte de campanhas de sensibilização nos comportamentos dos consumidores, bem como o impacte da entrada em vigor da nova legislação que se aguarda para este fluxo.
Descrição: Dissertação apresentada na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para a obtenção do grau de Mestre em Engenharia do Ambiente, perfil Engenharia Sanitária
URI: http://hdl.handle.net/10362/2034
Appears in Collections:FCT: DCEA - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Santos_2008.pdf3,25 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Universidade Nova de Lisboa  - Feedback
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE